Início » Economia » Com crise ou sem crise, bancos brasileiros têm cada vez mais lucro
Setor bancário

Com crise ou sem crise, bancos brasileiros têm cada vez mais lucro

Durante os 12 anos de governos do PT, lucros anuais dos quatro maiores bancos brasileiros cresceram mais de 850%

Com crise ou sem crise, bancos brasileiros têm cada vez mais lucro
Lucro anual do setor bancário cresceu 850% durante os anos de governo do PT (Foto: Wikimedia)

Partidos políticos que tem como símbolo uma estrela vermelha normalmente são desfavoráveis aos bancos, porém não é bem assim que funciona no Brasil, onde essas instituições são exceções lucrativas.

Quando o PT assumiu o poder em 2003, o discurso era de mudança na vida dos mais pobres, que foram explorados por anos para o enriquecimento dos bancos e dos mais ricos.

No entanto, os ganhos do setor bancário seguem crescendo nos governos petistas, mesmo com a economia estagnada e o setor industrial sofrendo com a queda no preço das commodities. Os lucros anuais dos quatro maiores bancos brasileiros cresceram mais de 850% durante os 12 anos de governo do PT, saindo de R$ 7,3 bilhões para R$ 70 bilhões.

Os ganhos bancários representam mais da metade do total obtido pelas empresas brasileiras na bolsa de valores de São Paulo, em 2013 e 2014, de acordo com a consultoria Economatica. O lucro dos bancos nunca passou de um quarto do total antes da gestão petista.

Os dois gigantes privados do setor, Itaú e Bradesco, têm normalmente cerca de 20% de retorno sobre capital próprio, um índice que mede quanto dinheiro cada dólar investido traz. Os grandes bancos dos Estados Unidos trabalham com metade desse valor.

Alguns programas de governo e a situação econômica favorecem essas empresas. Uma dessas medidas governamentais é uma taxa de juros que traria calafrios aos povos de outros países. No mercado de crédito livre, onde não há subsídio do governo, os juros têm média de 58,6% para pessoas físicas e 27,5% para empresas.

Fontes:
NY Times-In Good Times or Bad, Brazil Banks Profit

1 Opinião

  1. Áureo Ramos de Souza disse:

    E o Banco Itau ficará mais forte ainda com a compra do HSBC

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *