Início » Economia » Internacional » Barco com turistas naufraga na Hungria
BUDAPESTE

Barco com turistas naufraga na Hungria

Barco com 35 pessoas a bordo colidiu com outra embarcação. Pelo menos sete morreram e outros sete foram resgatados. Vinte e um seguem desaparecidos

Barco com turistas naufraga na Hungria
Mergulhadores continuam as buscas pelos desaparecidos (Foto: Zsolt Szigetvary/MTI)

Pelo menos sete pessoas morreram na noite da última quarta-feira, 29, em um naufrágio de um barco de turismo no Rio Danúbio, em Budapeste, na Hungria.

No barco, havia 35 pessoas a bordo, sendo 31 turistas, dois guia turísticos sul-coreanos, um tripulante e o capitão. Segundo a ministra das Relações Exteriores da Coreia do Sul, Kang Kyung-wha, sete pessoas foram resgatadas e 19 sul-coreanos continuam desaparecidos. Ao todo, 21 pessoas ainda não foram encontradas.

De acordo com o porta-voz do Serviço Nacional de Ambulâncias, Pál Györfi, as sete pessoas resgatadas foram encaminhadas ao hospital e diagnosticadas com hipotermia, porém, com quadros estáveis. Segundo Györfi, mergulhadores continuam as buscas pelos desaparecidos.

O acidente ocorreu quando o barco de nome Hableány, de dois andares e com capacidade para transportar até 45 pessoas, se chocou com outra embarcação de tamanho maior, por volta das 22h, horário local. O barco foi encontrado horas depois, próximo à ponte Marguerite.

Devido às fortes chuvas que assolaram Budapeste nos últimos dias, o nível do Rio Danúbio está alto, dificultando o trabalho das unidades de resgate. Segundo informações locais, proprietários de outros barcos também estão auxiliando nas buscas, ligando luzes para iluminar áreas de buscas.

A polícia iniciou uma investigação para descobrir os motivos do acidente. De acordo com um porta-voz da corporação, reerguer o barco do leito do rio poderá levar muitos dias e, possivelmente, corpos de passageiros ainda estão presos nas cabines.

O porta-voz da empresa proprietária do barco, Mihaly Toth, afirmou que a embarcação não tinha nenhum problema técnico.

“Era um passeio turístico de rotina. Não sabemos o que aconteceu. As autoridades estão investigando. Só sabemos que afundou rápido”, disse Mihaly Toth.

O ministro da Saúde, Ildiko Horvath, foi até o local do acidente prestar condolências, e o presidente sul-coreano, Moon Jae-in, determinou “o emprego de todos os recursos disponíveis” para efetuar o resgate.

Fontes:
Estadão-Barco com 33 pessoas naufraga no Rio Danúbio e ao menos 7 morrem
G1-Naufrágio de barco turístico no rio Danúbio, na Hungria, mata 7
The New York Times-After Budapest Boat Crash, Fading Hope and a Criminal Inquiry

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *