Início » Economia » Internacional » Camada de gelo da Groenlândia está derretendo mais rápido que o previsto
ESTUDO

Camada de gelo da Groenlândia está derretendo mais rápido que o previsto

Estudo aponta que o derretimento acelerado elevou o nível global do mar e ameaça cidades costeiras ao redor do mundo

Camada de gelo da Groenlândia está derretendo mais rápido que o previsto
O derretimento da camada de gelo elevou o nível global do mar (Foto: Pixnio)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

De acordo com um artigo publicado na revista científica Proceedings of rhe National Academy of Sciences, o derretimento acelerado da camada de gelo na Groenlândia elevou o nível global do mar e ameaça as cidades costeiras ao redor do mundo.

Segundo estimativas, entre 40% e 50% da população mundial vive em cidades vulneráveis ​​ao aumento do nível do mar, como Nova York, Miami, Los Angeles, Tóquio e Mumbai.

Pesquisadores calcularam a perda da camada de gelo na Groenlândia comparando a quantidade de água do degelo despejada no oceano, com o acúmulo de neve nas bacias do interior da região nos últimos 46 anos. Após essa comparação, os pesquisadores concluíram que a perda da camada de gelo aumentou seis vezes nesse período.

“Queríamos ter um registro longo e preciso da camada de gelo perdida desde que o aquecimento global afetou o equilíbrio natural do clima no Ártico na década de 1980”, escreveu o coautor do estudo, Eric Rygnot. “O estudo inseriu as mudanças ocorridas nos últimos 20 anos em um contexto mais amplo para mostrar o aumento rápido da perda da camada de gelo na Groenlândia”, acrescentou.

Rignot, professor de Ciências da Terra na Universidade da Califórnia, em Irvine, afirmou ainda que, em consequência da perda de área da camada de gelo, os icebergs se desprendem das geleiras e seguem para o oceano.

Segundo o estudo, desde 1972 a perda da camada de gelo na Groenlândia, a principal fonte de água que flui para o oceano, ocasionou um aumento de 13,7 milímetros no nível global do mar.

Durante milhões de anos, o degelo na Groenlândia foi um fenômeno cíclico, mas, devido ao aquecimento global, a perda da camada de gelo desde a década de 1980 é a maior registrada em todos esses anos.

Um artigo publicado em dezembro no periódico científico Nature, revelou que a Groelândia perdeu cerca de 50% de sua camada de gelo nas últimas duas décadas, em comparação com o nível pré-industrial, e de 33% acima do nível no século XX. Com base em pesquisas anteriores, os autores do artigo disseram que a água proveniente das geleiras pode elevar o nível do mar em até 7 metros nos próximos anos.

Neste ano, de acordo com dados do National Snow & Ice Data Center, um mês antes do previsto, o verão já começou a derreter o gelo na Groelândia. Sem a redução das emissões de gases de efeito estufa e da adoção urgente de outras medidas de combate às mudanças climáticas, a perda da camada de gelo na região pode se transformar em uma grave ameaça ao ser humano e ao ambiente que o cerca.

Fontes:
CNN-Greenland is melting even faster than experts thought, study finds

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *