Início » Economia » Internacional » Florestas estão se expandindo nos países desenvolvidos
MEIO AMBIENTE

Florestas estão se expandindo nos países desenvolvidos

Ao contrário da América do Sul e da África, a Europa e os Estados Unidos registram um rápido crescimento de extensas áreas cobertas por florestas

Florestas estão se expandindo nos países desenvolvidos
Dois fatores estão influenciando o aumento de florestas em diversos países (Foto: Pixabay)

As florestas em países como o Brasil e o Congo atraem a atenção dos ambientalistas em razão do desflorestamento de grandes áreas na América do Sul e na África subsaariana, em uma média de 5 milhões de hectares por ano. Por outro lado, nos países ocidentais desenvolvidos o crescimento de florestas tem sido constante, mesmo em lugares que, historicamente, eram pouco arborizados.

Em 1990, as florestas ocupavam 28% do território da Espanha. Hoje, 37% do território espanhol é coberto por árvores. No mesmo período, a extensão de terra coberta por árvores na Grécia e na Itália aumentou de 26% para 32%. A Irlanda é um exemplo ainda mais surpreendente. Em 1922, quando o país obteve a independência só 1% de seu território era arborizado. Agora, as florestas ocupam uma área de 11% e o governo quer aumentar essa percentual para 18% até a década de 2040.

Dois fatores estão influenciando o aumento de florestas em diversos países. Em primeiro lugar, as terras em lugares altos e áridos, que não são apropriadas ao cultivo de alimentos ou para a criação de animais, estão sendo ocupadas por árvores. O incentivo do governo e a oferta de subsídios também influenciam essa tendência. A madeira das árvores é usada para a construção de navios e casas. Além disso, as florestas protegem o meio ambiente, porque absorvem gás carbônico.

Mas os agricultores queixam-se dos generosos subsídios para o plantio de árvores. Algumas regiões da Espanha e de Portugal, com florestas de eucaliptos, uma árvore altamente inflamável nativa da Austrália, cultivada para produção de celulose e extração de óleo, têm sido devastadas por incêndios. A prolongada seca na Califórnia tem causado enormes incêndios florestais. Alguns paisagistas criticam a escolha e a distribuição de árvores em parques, reservas florestais etc. No entanto, apesar das críticas e dos desastres naturais, assim como o desmatamento em alguns lugares é uma prática comum, a arborização de grandes áreas nos países ocidentais é um processo irreversível.

Fontes:
The Economist-Why forests are spreading in the rich world

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Anselmo Heidrich disse:

    As críticas ao plantio de florestas têm que ser contemporizadas. Se não são áreas adequadas, seriam também adequadas ao plantio de culturas alimentícias não nativas? (que correspondem a maioria no mundo) ou de pecuária, cujo pastoreio também esgota o pasto natural e necessita de irrigação deslocando cursos d’água? Vejam… Quando se maneja o meio ambiente, se tira de um lugar para botar em outro, não tem muito jeito não. Também tomem cuidado com este tipo de comentário associando a desastres naturais. Fogos como se vê na Califórnia ou Portugal são comuns em Clima Mediterrâneo (sim, na Califórnia também chamam assim) ou na Austrália, país com uma pequena (proporcionalmente falando) franja costeira leste-sudeste que é úmida, sendo tomado pela aridez e semi-aridez na maior parte de seu território e, portanto, propício aos fogos. A crítica que acho válida, no entanto, é de teor econômico: o subsídio compensa? Como avaliar, economicamente, os ganhos ambientais?

  2. Laércio disse:

    Florestas são sinónimo de desenvolvimento. O Brasil assume a cretina posição de maior produtor de proteína animal do mundo, ocasionando derrubada de florestas, extinção de nascentes, assoreamento de rios, desertificação entre outros agravantes…
    Quase tudo aqui no país está errado, e isto é proposital para fazer frente as necessidades dos interesses privados que dominam o país. O governo brasileiro só não é um pinguim de geladeira porque articula desfavoravelmente em relação ao povo.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *