Início » Economia » FMI aprova o yuan como moeda de reserva
ECONOMIA

FMI aprova o yuan como moeda de reserva

Decisão abre caminho para o uso do yuan em transações globais, elevando o status da China enquanto potência global econômica

FMI aprova o yuan como moeda de reserva
A moeda fica, portanto, a par do euro, do dólar, da libra e do iene (Foto: Pixabay)

Nesta segunda-feira, 30, o Fundo Monetário Internacional (FMI) aprovou o yuan como uma moeda de reserva, o que representa um grande reconhecimento do peso financeiro e econômico da moeda chinesa no mercado internacional.  A decisão abre caminho para o uso do yuan em transações financeiras ao redor do mundo, elevando o status da China como uma potência global econômica. A moeda fica, portanto, a par do euro, do dólar, da libra e do iene.

No entanto, como o país foi forçado a aliviar várias medidas de controle para se ajustar aos pré-requisitos do FMI, isso trouxe um pouco de incerteza no cenário econômico e financeiro do país. As mudanças podem injetar volatilidade na economia chinesa. Desta forma, pode ficar difícil para a China manter seu recorde de crescimento forte e estável, especialmente num momento em que sua economia já está desacelerando.

A decisão de incluir o yuan “é um marco importante na integração da economia chinesa ao sistema financeiro global”, disse a diretora do FMI Christine Lagarde, em um comunicado.

Fontes:
Euronews-China: Yuan já é moeda de reserva do FMI
The New York Times-China’s Renminbi Is Approved as a Main World Currency

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *