Início » Economia » França investiga uso de informações privilegiadas
EADS

França investiga uso de informações privilegiadas

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A EADS volta a se complicar com a investigação da Autoridade dos Mercados Financeiros da França. O inquérito apura se houve uso de informações privilegiadas para ganhos financeiros entre os executivos da empresa.

A agência reguladora investiga executivos graduados na Airbus e os principais acionistas do grupo europeu. Entre eles, a alemã DaimlerChryler e a francesa Lagardere. Todos são suspeitos de utilizar informações privilegiadas entre o final de 2005 e meados de 2006 para vender ações da empresa antes que viesse a público o atraso no lançamento do novo modelo A380, notícia que causaria queda das ações na bolsa. Efetivamente, desde então as ações cairam 40%.

Fontes:
Valor Online - França investiga suposto uso de informação privilegiada por executivos da EADS

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *