Início » Economia » Governo dos EUA encerra paralisação parcial
ACORDO NO CONGRESSO

Governo dos EUA encerra paralisação parcial

Democratas e republicanos aprovaram uma lei com orçamento provisório

Governo dos EUA encerra paralisação parcial
Lei assinada por Trump permite a continuidade das atividades até o próximo dia 8 de fevereiro (Fonte: Reprodução/Getty Images)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A paralisação parcial de quase três dias do governo dos EUA foi encerrada na noite desta segunda-feira, 22, após democratas e republicanos aprovarem uma lei com orçamento provisório.

Depois de ser aprovada pelo Congresso americano, a prorrogação orçamental que dá fundos ao governo federal foi sancionada pelo presidente Donald Trump.

Nesta segunda, mais de 800 mil funcionários públicos ficaram em casa, sem trabalhar. O governo americano deve voltar a funcionar normalmente nesta terça-feira, 23. A lei assinada por Trump permite a continuidade das atividades até o próximo dia 8 de fevereiro.

Embora a liderança democrata tenha apoiado o fim da paralisação — inciada no dia do primeiro aniversário da administração de Donald Trump —, 16 dos seus 49 senadores votaram contra a medida. Republicanos agora se comprometeram a iniciar as negociações sobre uma reforma de imigração.

Após o anúncio do fim da paralisação, o presidente Donald Trump afirmou que está “satisfeito que os democratas no Congresso tenham recuperado o sentido e agora estejam dispostos a financiar as nossas grandes Forças Armadas, a Patrulha Fronteiriça, serviços de emergência e seguros médicos para crianças vulneráveis”, ressaltando, no entanto, que só alcançará um acordo sobre imigração com o Congresso caso os legisladores lhe propuserem o que for “bom para o país”.

Fontes:
Portal Exame - Governo dos EUA é reaberto após paralisação parcial de três dias

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *