Início » Brasil » Governo reduz expectativa do salário mínimo de 2019
ECONOMIA

Governo reduz expectativa do salário mínimo de 2019

Previsão de reajuste do salário mínimo para o próximo ano caiu de R$ 1.002 para menos de R$ 998

Governo reduz expectativa do salário mínimo de 2019
Com o reajuste, o governo vai deixar de gastar aproximadamente R$ 1,21 bilhão (Foto: Pixabay)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A estimativa de salário mínimo para 2019 foi reduzida de R$ 1.002 para R$ 997,84. A redução consta em uma nota técnica da Comissão Mista de Orçamento do Congresso Nacional apresentada nesta quarta-feira, 5.

O reajuste do salário mínimo é feito com base na Lei 13.152/2015, que leva em conta o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano anterior – no caso, de 2018 – e o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos antes – ou seja, 2017. Esse ano, porém, é o último com o qual a lei será aplicada, mesmo que ainda não tenha sido definida uma lei orçamentária para o cálculo de 2020.

Em abril deste ano, o governo tinha anunciado que o salário mínimo de 2019 seria de R$ 1.002, um aumento de quase R$ 50 – o vencimento atual é de R$ 954. No entanto, devido à revisão da estimativa do INPC de 3,8% para 3,3%, o valor do salário mínimo também teve de ser reajustado.

Isso porque, de acordo com a nota técnica, cada R$ 1 de aumento no vencimento mínimo resultaria uma despesa líquida adicional de R$ 303,9 milhões, com R$ 243 milhões apenas referentes ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Dessa forma, o governo vai deixar de gastar aproximadamente R$ 1,21 bilhão.

 

Leia mais: Salário mínimo ideal é quatro vezes maior do que o real

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *