Início » Economia » O holofote vai da Alemanha à França
EUROPA

O holofote vai da Alemanha à França

Presidente francês Emmanuel Macron é quem deve se destacar no bloco

O holofote vai da Alemanha à França
O mérito de suas ideias vai depender se elas vão fazer com que a Europa se torne mais empreendedora ou protecionista (Foto: Gouvernement français)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

No começo do ano, Angela Merkel era quem liderava a Europa. No entanto, após a chegada do partido de extrema direita na Alemanha nesta semana, parece que o presidente francês Emmanuel Macron é quem vai se destacar na Europa.

Seu discurso desta semana estava repleto de ideias, incluindo um orçamento militar compartilhado e uma agência para “inovação radical”, bem como o desejo de reforçar a zona do euro. Macron também falou sobre um novo imposto de carbono nas fronteiras da União Europeia, além de uma proposta para taxar as empresas de tecnologia estrangeira.

O mérito de suas ideias vai depender se elas vão fazer com que a Europa se torne mais empreendedora, aberta e confiante ou se torne uma fortaleza protecionista. Se a França continuar a ser uma ameaça para a estabilidade econômica da União Europeia, Macron pode nunca ocupar o lugar que já foi de Merkel.

Macron já negociou com os sindicatos uma reforma trabalhista, que foi promulgada em 22 de setembro. Cerca de 59% dos franceses dizem que apoiam a reforma trabalhista. No entanto, os protestos vão continuar. Outras batalhas vão ser mais difíceis como pensões, tributações, etc. Mas Macron já passou em seu primeiro teste.

Macron ainda vai lutar para convencer a Alemanha a abraçar sua visão de reforma da zona do euro. O presidente francês pode não conseguir, mas se este ano tem mostrado algo é que é um erro apostar contra Macron.

Fontes:
The Economist-The spotlight shifts from Germany to France

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *