Início » Cultura » Os benefícios econômicos da Quaresma
Alma limpa, dinheiro no bolso

Os benefícios econômicos da Quaresma

O objetivo da Quaresma é limpar a alma dos vícios mundanos, mas essa tradição religiosa também traz benefícios inegáveis para o bolso dos católicos

Os benefícios econômicos da Quaresma
Em São Paulo, o maior gasto economizado durante a Quaresma seria com vinho e cerveja (Reprodução/Internet)

A Quaresma começa na quarta-feira de cinzas e termina na quinta-feira da paixão. Após 40 dias de jejum e reflexão, católicos de todo o mundo finalmente podem aproveitar a Páscoa e se entregar ao chocolate, ao café e até a cerveja.

O objetivo da Quaresma é limpar a alma dos vícios mundanos, mas essa tradição religiosa também traz benefícios inegáveis para o bolso dos católicos.

Analisando os principais itens evitados durante a Quaresma, como álcool, cigarros e alimentos de fast-food, católicos de Dublin economizam cerca de US$ 780. Somente o corte de 20 cigarros por dia, gera para a população católica do país uma economia de US$ 468. Porém, em Lisboa, onde esses produtos são mais baratos, os católicos não fariam uma economia semelhante nem se evitassem tais itens diariamente.

Na Nigéria, onde os católicos representam 15% da população, evitar o fast-food seria o que mais traria benefícios para o bolso. Em São Paulo, o maior gasto economizado durante a Quaresma seria com vinho e cerveja. O Brasil tem a maior população católica do mundo.

Fontes:
The Economist-The economic consequences of Lent

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *