Início » Economia » Pobreza faz pais abandonarem filhos
Grécia

Pobreza faz pais abandonarem filhos

Crise econômica obriga famílias a deixarem seus filhos em instituições de caridades

Pobreza faz pais abandonarem filhos
Desempregada, Natasha foi obrigada a abandonar sua filha

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Em Atenas, certos pais pobres demais para atender às necessidades de seus filhos preferem abandoná-los em centros de assistência social. A situação no país está tão desesperadora que vem forçando famílias a tomar medidas desesperadas. É o caso de Maria, uma jovem solteira desempregada há mais de um ano, que se viu obrigada a se desfazer do que ela tinha de mais precioso, a sua filha, colocada na instituição SOS Crianças da cidade.

“Eu posso sofrer, mas por que ela precisaria sofrer também?”, desabafa.
Maria passava a maior parte dos seus dias procurando emprego, muitas vezes deixando sua filha de oito anos, Anastasia, sozinha em casa. Nesse meio-tempo, a mãe perdeu 25kg.

“Eu choro todas as noites, mas o que eu posso fazer?”, conta Maria. “Meu coração dói, mas eu não tenho escolha”.

Agora, Maria conseguiu um emprego em café, mas com um salário de apenas 20 euros por dia. Ela vê Anastásia uma vez por mês, e espera poder recuperá-la quando a situação econômica melhorar – muito embora não tenha ideia de quando isso irá acontecer.

Até pouco tempo, a instituição escolhida por Maria, SOS Crianças da cidade, estava acostumada a receber crianças de pais viciados em drogas ou alcoólatras. Neste último ano, porém, tiveram que acolher centenas de crianças deixadas por famílias sem condições de financeiras para mantê-las.

Nos últimos dois meses, Padre Antonio, um jovem padre ortodoxo que administra um centro para pobres de Atenas, achou quatro crianças abandonadas em sua porta – incluindo um bebê com apenas alguns dias de vida.

“Os pais dizem que não tem dinheiro ou abrigo para seus filhos, e esperam que possamos fornecer a eles o que precisam”, diz Antonio.

Apesar de resultar de uma situação dramática, a atitude desses pais não é bem vista pela sociedade grega, que vê os laços familiares como algo valioso. Porém, decisões drásticas como estas se revelam ainda mais trágicas, já que estes pais, segundo Sofia Kouhi, da associação Sorriso de uma Criança, seriam os que mais amam seus filhos.

Fontes:
BBC - The Greek parents too poor to care for their children

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

7 Opiniões

  1. Lourdes Magalhães disse:

    Deveriam manter as pernas fechadas e os pingulins dentro das calças!
    A criança, que nem pede pra nascer,sempre acaba pagando a alta conta.
    Infelizmente aqui no Brasil não é diferente.
    Os irresponsáveis preferem revirar os “oinhos” e depois colocam os bebezinhos ou na lixeira..ou jogam pela janela..ou doam como se criança fosse bala de gengibre.
    Bastardos as mulheres irresponsáveis brasileiras.

  2. WANDERLEY FONSECASILVA disse:

    AQUI NO BRASIL QUE ATUALMENTE ALARDEIA SER A SEXTA ECONOMIA DO PLANETA ESTAS CENAS SÃO DIÁRIAS.
    A HISTÓRICA ASSIMETRIA SOCIAL FAZ QUE ACEITEMOS ISTO SEM SEM PEJO.
    OUTRA HIPOCRISIA CORROSIVA É A CONDIÇÃO DE MAIOR NAÇÃO CRISTÃ DO PLANETA.
    ACEITAMOS A EXPRESSÃO “CRIANÇAS DE RUA” COMO SE ISTO FOSSE PLENAMENTE ACEITÁVEL.

  3. ALOÍSIO F. TRINDADE disse:

    Se na Europa o panorama é este, imagine neste rico país, porém miserável Nação, chamado Brasil?… Aqui o populismo do NAZI PT e sua gang supra-partidária estimulam o nascimento de bastardos, principalmente entre os jovens impúberes, que são a grande maioria dos seus eleitores. Planejamento familiar, para que?…
    O negócio é quantidade, bastante analfabetos políticos para elegerem a podridão que impera no Senado e Câmara.

  4. marcia bonamichi disse:

    QUE DÓ QUE DÁ DESSA MAE…

  5. Paulo Nascimento disse:

    Quanta asneira posta o Aloísio! Esse problema não é só no Brasil e duvido que algum governo incentive a atitude dos jovens. Qual a razão teriam para criar um problema a mais no país? Se quer comentar o texto, reveja suas posições políticas e perceba que o problema é antigo e não criação do PT, ou nem se manifeste!

  6. Valmir Mendes de Carvalho disse:

    O PAI e o FILHO, o FILHO e o PAI, nunca erraram em suas palavras; jamais poderíamos ser diferentes entre o ser e o ter, o amor e a caridade, a verdade e a FÉ. Os brutos ainda insistem e não admitem a queda do Capitalismo, que vem, por diversas fases e sintomas, provocar o caus na vida dos menores que nunca foram erguidos pelos grandes.

    Saudações; Valmir M. Carvalo – Condado – PE

  7. geracina disse:

    Brasil ja tem pobreza demaziada e ainda chega mais, fatal

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *