Início » Economia » UE acusa Google de abuso de poder de mercado
Internet

UE acusa Google de abuso de poder de mercado

Empresa é acusada de desviar o tráfego da internet de seus rivais para sites de compras que oferecem seus próprios produtos e serviços

UE acusa Google de abuso de poder de mercado
Nos EUA, Comissão Federal de Comércio determinou que o Google não viola leis antitruste (Reprodução/Wikipédia)

A União Europeia acusou formalmente o Google de abusar de sua posição dominante no setor de buscas na internet para favorecer seus serviços e produtos em detrimento de concorrentes nesta quarta-feira, 15. A medida também dará início a um inquérito para investigar se o software do Google para smartphones, Android, obriga fabricantes de celulares a desviar o tráfego de buscas para sites de compras de produtos e serviços do Google.

“Se a investigação confirmar as nossas preocupações, o Google terá de enfrentar as consequências jurídicas e mudar a maneira de fazer negócios na Europa”, disse Margrethe Vestager, comissária de concorrência da União Europeia.

Várias empresas online têm reclamado que o Google também é abusivo em outras áreas, como sites de viagens e mapeamento. Margarethe disse que o investigação pode, eventualmente, expandir para além de sites de compras.

Nos Estados Unidos, a Comissão Federal de Comércio investigou queixas semelhantes contra o Google, mas engavetou o inquérito sem tomar medidas em 2013. A decisão europeia de quarta-feira não deve mudar a posição de Washington de que os negócios de busca do Google não violam leis antitruste.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *