Início » Economia » Venezuela retoma campanha para anexar dois terços da Guiana
Disputa territorial

Venezuela retoma campanha para anexar dois terços da Guiana

Presidente Nicolás Maduro deixa de lado a crise econômica em seu país para concentrar seus esforços em uma disputa territorial do século 19

Venezuela retoma campanha para anexar dois terços da Guiana
Presidente Nicolás Maduro prometeu 'uma grande vitória' ao povo venezuelano (Foto: Wikipédia)

A economia da Venezuela afunda em dívidas, tem a  inflação mais alta do mundo e faltam produtos básicos no país. Apesar disso, a preocupação mais premente do presidente venezuelano, Nicolás Maduro, nos últimos dias não é a falta de leite, materiais cirúrgicos, anticoncepcionais ou até cerveja nos supermercados. Maduro começou uma campanha vigorosa e barulhenta para assumir o controle de uma grande área de selva e savana sul-americana conhecida como Essequibo, que pertence à vizinha Guiana.

Nos últimos dias, Maduro vem dizendo aos venezuelanos, muitos dos quais estão ocupados fazendo fila para comprar ítens básicos, que o seu governo está trabalhando para alcançar uma “grande vitória” e assumir o controle do Essequibo, uma área equivalente a dois terços do território guianense.

A posse do Essequibo – cujo nome faz referência a um grande rio que flui através dele – foi concedida à Guiana, então uma colônia britânica, por um juiz de arbitragem em 1899. A Venezuela desafiou a decisão em 1962, e a disputa permanence até hoje.

“Vamos resgatar o que nossos avós deixaram para nós “, disse Maduro na semana passada. Ele pediu ao Secretário Geral da ONU, Ban Ki-moon, que inicie uma nova rodada de arbitragem internacional e prometeu ao povo venezuelano “uma grande vitória” sobre a Guiana “por meios pacíficos”.

Fontes:
The Washington Post - Why Venezuela wants to annex two thirds of the country next door

4 Opiniões

  1. Brazilino Esperanza disse:

    Nicolás está caindo de Maduro. Só pode ser isto.

    Já passou da hora de o Brasil acabar com esta farra como o fez o governo Figueiredo que mandou tropas para o norte e despachou ser Chefe da Casa Militar, o General Venturini, para Caracas com a missão de explicar ao Venezuelanos que focinho de porco não é tomada, apesar de guardar alguma semelhança.

  2. Ludwig Von Drake disse:

    A Venezuela já invadiu a Guiana em 1970 passando sobre território brasileiro em Roraima, Teve que recuar, porque o Exército Brasileiro acampou na região de Caburaí ao Marco BV-8.

  3. André Luiz D. Queiroz disse:

    “Os argentinos “já viram esse filme”, há coisa de 20 anos atrás…” == digo, ‘há coisa de 30 anos atrás’ !

  4. André Luiz D. Queiroz disse:

    Os argentinos “já viram esse filme”, há coisa de 20 anos atrás… E deu no que deu! O que Maduro propõe é de um cinismo difícil de igualar, acho que nem Dilma Rousseff seria capaz de coisa tão irresponsável e estúpida! Só falta saber se o governo brasileiro via apoiar a pretensão de seus ‘compañeros’ bolivarianos em mais essa aventura absurda!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *