Início » Internacional » A prática do tiro ao alvo nos Estados Unidos
Armas

A prática do tiro ao alvo nos Estados Unidos

A prática do tiro ao alvo, além do treinamento de um bom atirador, é um esporte divertido e um lazer para as famílias

A prática do tiro ao alvo nos Estados Unidos
Apesar do uso impregnado de ódio agressivo dessas armas mortais com preços acessíveis e fáceis de adquirir, a prática do tiro ao alvo é um hobby interessante para milhões de pessoas (Reprodução/ The Economist)

Para um repórter europeu que preza a liberdade de expressão e de ação a cultura de armas dosEstados Unidos é uma insanidade. Os americanos se suicidam ou matam outras pessoas com mais frequência do que qualquer povo da Europa Ocidental, em grande parte em razão da facilidade da compra de armas e da obtenção do porte de armas. Quase 33 mil pessoas são assassinadas com armas de fogo todos os anos nos EUA, um número assustador de perdas de vidas humanas vítimas da violência.

Mas, na verdade, é muito divertido atirar. Apesar do uso impregnado de ódio agressivo dessas armas mortais com preços acessíveis e fáceis de adquirir, a prática do tiro ao alvo é um hobby interessante para milhões de pessoas.

Tive a experiência de atirar com um revólver em um estande de tiro nos arredores de Maryland, a cerca de uma hora de carro de Washington, D.C. Nunca havia ido a um estande de tiro e não tinha a menor ideia do que iria encontrar. Porém essa experiência foi estranhamente familiar. O lugar não era um templo de violência. As pessoas divertiam-se atirando nos alvos. Havia homens brancos de meia-idade e com um aspecto amedrontador. Mas nem todos. No lugar onde pratiquei o tiro ao alvohavia duas mulheres negras, uma delas com um filho pequeno, que se revezavam para vigiar a criança. A prática do tiro ao alvo é, na realidade, um esporte agradável e uma ótima distração para as famílias que passam algumas horas juntas.

E nesse estande a violência disseminada das armas de fogo nos EUA parecia algo muito distante. Não havia na expressão das pessoas o pensamento que as armas podiam ser usadas para matar alguém. O prazer que a maioria das pessoas que pratica tiro ao alvo sente não tem uma conotação agressiva. Os ambientes mais perigosos onde explode a violência armada nos EUA são cidades de populações de baixa renda, e não em bairros nos arredores dos centros das cidades onde grande parte dos proprietários de armas mora. A maioria dos 21 mil suicídios com armas de fogo acontece em lugares fechados. Esse número de suicídios, apesar de extremamente elevado, é menor do que o índice de mortes por violência armada.

As pesquisas de opinião pública mostram que a grande maioria dos proprietários de armas gostaria de um controle mais rígido da posse de armas. O fato de impedir que criminosos e pessoas com distúrbios mentais tenham acesso a armas não é incompatível com a permissão difundida da posse de armas. As mudanças para tornar os Estados Unidos um país mais seguro só se viabilizarão se as pessoas que usam armas rotineiramente com fins pacíficos não pensem que essas mudanças são suas inimigas.

Fontes:
The Economist-It's rather fun, actually

4 Opiniões

  1. André Luiz D. Queiroz disse:

    Revoltado, rene l hrischmann,
    Sou a favor das liberdades civis, inclusive as que garantem o direito ao porte de armas, mas… vocês leram o primeiro parágrafo do artigo? “Os americanos se suicidam ou matam outras pessoas com mais frequência do que qualquer povo da Europa Ocidental, em grande parte em razão da facilidade da compra de armas e da obtenção do porte de armas. Quase 33 mil pessoas são assassinadas com armas de fogo todos os anos nos EUA” — isso é fato: não é armando a população que enfrentaremos com bons resultados a violência urbana! Pelo contrário, a tendência seria piorar, e muito! Num mundo ideal, o melhor seria que até mesmo a polícia não portasse armas de fogo! Claro, isso hoje é inviável na realidade social brasileira… Mas, sair armando todo mundo? Tenho sérias reservas…!

  2. Revoltado disse:

    E PODEM ESTAR CERTOS, VAMOS RECUPERAR TODOS OS NOSSOS DIREITOS AO PORTE DE ARMA!!!

  3. Revoltado disse:

    rene, super apoiado, se quisermos paz temos que estar PREPARADOS PARA A GUERRA !!!! Armas aos cidadãos de bem, equilibrados e para sua legítima defesa e de seus familiares!! autoridade e poder ao cidadão de bem!! direitos são conquistas do indivíduo!! diretos para QUEM É DIREITO !!!

  4. rene luiz hirschmann disse:

    Aqui onde só bandido e policial pode usar arma, morrem 200 mil pessoas por ano assassinadas, porque não nos deixam defender nossas famílias criem centros de tiro e apliquem leis rígidas para aqueles que não tem condições de armar-se, que democracia é essa.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *