Início » Internacional » Ações da UE para manter acordo nuclear são insuficientes, diz Irã
APÓS SAÍDA DOS EUA

Ações da UE para manter acordo nuclear são insuficientes, diz Irã

Empresas europeias estão começando a deixar o país

Ações da UE para manter acordo nuclear são insuficientes, diz Irã
O ministro das Relações Exteriores do Irã, Mohammad Javad Zarif (Fonte: Reprodução/U.S. Department of State/Wikimedia Commons)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Em pronunciamento neste domingo, 20, o ministro das Relações Exteriores do Irã, Mohammad Javad Zarif, afirmou que as ações da União Europeia para manter o acordo nuclear alcançado em 2015 são insuficientes.

Leia também: Os efeitos da saída dos EUA do acordo nuclear com o Irã

Zarif também sugeriu que esperava mais da UE no contexto político atual. Os EUA deixaram o acordo no início deste mês.

Um outro cenário pode complicar ainda mais a situação: empresas europeias estão começando a deixar o país, como a dinamarquesa de transportes de contêineres A.P. Moller-Maersk e a gigante petroleira francesa Total.

Com o início da retirada das empresas, o governo iraniano entende que, ao contrário do que afirma em seu discurso, a Europa não está se esforçando para manter o acordo nuclear.

“O anúncio da possível retirada das principais empresas europeias de sua cooperação com o Irã não é consistente com o compromisso da União Europeia em implementar (o acordo nuclear)”, ressaltou o ministro Zarif, que afirmou ainda que, após a saída dos EUA do acordo, o Irã esperava que a UE se empenhasse mais, porém não é o que está ocorrendo.

O acordo nuclear com o Irã foi acertado em julho de 2015. Foram quase 20 meses de negociações entre o governo iraniano e um grupo de potências internacionais sob a liderança dos EUA, que na época tinha como presidente Barack Obama.

O novo presidente dos EUA, Donald Trump, criticou, no entanto, o acordo nuclear e anunciou a saída dos EUA. De acordo com Trump, o acordo possibilitou ao Irã continuar enriquecendo urânio.

Fontes:
G1 - Irã diz que apoio da UE é insuficiente para manter acordo nuclear

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *