Início » Internacional » Acordo Mercosul-UE não prevê trânsito de pessoas
TRATADO DE LIVRE COMÉRCIO

Acordo Mercosul-UE não prevê trânsito de pessoas

Entrada de turistas brasileiros na UE não será facilitada

Acordo Mercosul-UE não prevê trânsito de pessoas
Acordo Mercosul-UE foi fechado na última semana após duas décadas de negociações (Fonte: Reprodução/Mapa/Divulgação)

A primeira versão do texto do acordo de livre comércio entre o Mercosul e a União Europeia não prevê a facilitação do trânsito de pessoas.

Isso significa que a entrada de turistas brasileiros na UE não será facilitada. A previsão é que o ingresso seja dificultado a partir de 2021, quando será obrigatório o preenchimento de um formulário eletrônico e o pagamento de uma taxa.

O acordo Mercosul-UE foi fechado na última semana após duas décadas de negociações. O tratado prevê algumas regras que visam facilitar a importação e a exportação entre os países de ambos os blocos.

Juntos, os países do Mercosul e da União Europeia representam 25% da economia global, envolvendo cerca de 10% da população mundial.

Entre as regras previstas no acordo estão ainda o cumprimento do Acordo de Paris sobre o clima, a conservação de florestas, o respeito a direitos trabalhistas e a cooperação em áreas como direitos humanos.

Atualmente, o brasileiro que viaja para os países da UE não precisa de visto. A partir de 2021, no entanto, passa a valer o Sistema Europeu de Informação e Autorização de Viagem, que exigirá uma autorização prévia para cidadãos de países até então isentos de visto. O turista precisará preencher um formulário online e pagar uma taxa de 7 euros. A autorização valerá por três anos.

Fontes:
Uol - Acordo do Mercosul com a UE não prevê facilitar entrada de brasileiros

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *