Início » Internacional » Após cinco anos, americano revê filho sequestrado pela mãe brasileira
Conflito judicial

Após cinco anos, americano revê filho sequestrado pela mãe brasileira

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O americano David Goldman se casou com uma brasileira no ano de 2000 e cinco meses depois nasceu o filho do casal. Em 2004 a brasileira veio de férias para o Brasil e nunca mais retornou aos Estados Unidos. Foi um longo período de espera para David que, apenas na última segunda-feira, na presença do deputado republicano Chris Smith, conseguiu rever a criança. Ele luta pela guarda do filho há quase cinco anos e reivindica há três o cumprimento da Convenção de Haia. Pela convenção, os países signatários — entre eles Brasil e EUA — se comprometem a repatriar crianças sequestradas.

A brasileira ao chegar ao Rio de Janeiro moveu uma ação na Justiça do estado pela guarda do filho e na ocasião casou-se novamente com um brasileiro de uma família importante do Rio de Janeiro, que, por ordem judicial, não pode ter o nome divulgado. A brasileira engravidou do novo marido e morreu ao dar à luz, em agosto de 2008.

Com isso Goldman achou que conseguiria a guarda do filho, mas o novo marido da brasileira requer a "paternidade afetiva". A Advocacia-Geral da União ingressou com uma ação na Justiça Federal pedindo o cumprimento da Convenção de Haia. O conflito judicial, que que se dá entre 2ª Vara de Família do Estado e a Justiça Federal, será julgado na próxima quarta-feira (11/02), quando os ministros da 2° Seção do Superior Tribunal de Justiça (STJ) voltarão a se reunir.

 

Fontes:
Estadão - Americano revê filho 'sequestrado' pela mãe brasileira
Campanha internacional para o retorno do americano Sean Goldman

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

17 Opiniões

  1. Arlon Borges disse:

    É um verdadeiro absurdo, difícil de entender, essa criança não ser devolvida ao pai, principalmente após a morte da mãe. Ouvi dizer que a razão real desse "pai afetivo" é que a família da mãe tem muito dinheiro, do qual o menino será herdeiro.

  2. Ana Lucia de Jesus Ribeiro disse:

    Que indignidade!!! É por chicanas como essa que nosso país passa a ser conhecido lá fora: quer cometer uma ilegalidade e se dar bem? Vá para o Brasil, o país de Biggs e Battisti, onde a justiça é molenga, leniente. Isso não pode ficar assim. Essa gente que nos desonra tem que ter seus nomes publicados! E, no mínimo, responder por cárcere privado de menor!!!!!!!

  3. GIrlandia disse:

    Torco para que finalmente contra tudo e todos o David vai poder reaver o seu filho que nunca deveria ter sido tirado do mesmo. Sera que devemos confiar na justica dos homens????

  4. girlandia disse:

    Como diz o proprio David "it is whrong in each level", ou seja , isto esta errado em todos os niveis… Dificil de acreditar que o prprio PAI da crianca esta brigando agora contra um senhor que nem e parente da crianca! APos tantas lutas com a mae biologica e com a "justica brasileira", agora vem mais esta? Alias, vi que a Folha esta colcoando a palavra sequestro entre aspas… Como se nao fosse verdadeiro! Se o meu marido levasse embora o meu filho aem o meu consentimento eu chamaria de SEQUESTRO com letras garrafais e lutaria para te-lo de volta com todas as minhas forcas… "paternidade afetiva”, isto sim neste caso tem que ser colocado entre aspas…

  5. Venustiano Carranza disse:

    Deveria entrar em vigor imediatamente o sintético projeto de Constituição de Capistrano de Abreu:

    "Artigo 1º – Todo brasileiro deve ter vergonha na cara.

    "Artigo 2º – Revogam-se as disposições em contrário."

    Justiça Brasileira: ação entre amigos. Desde quando pode-se alegar """""" P A T E R N I D A D E A F E T I V A """""" como anteposição à paternidade biológica de um pai que teve seu filho roubado????????????????????? Que país o Brasil se tornou? Vale tudo? A justiça já era !!! quebraram a espinha da magistratura!!!!!

  6. Evandro Correia disse:

    Não é à toa que este site publicou há poucos dias que a imagem do Brasil no exterior caiu muito. Casos como este e o de Cesare Battisti são um absurdo.

  7. EDVALDOTAVARES disse:

    MELHOR OPINIÃO SOBRE O BRASIL. Que o nosso amado país tem defeitos isso é inegável. Também os têm os mais desenvolvidos e por todos admirados. Que o nosso país tem do que o povo se orgulhar é só conhecê-lo melhor, coisa que o brasileiro não faz. Também os demais, grandes potências, também têm. Portanto, a imagem do Brasil está sendo denegrida, não por essas insignificâncias, como pensam as mentes distraídas. Está sendo por estarmos em plena guerra transversa, mais tecnicamente denominada assimétrica. É guerra de quarta geração. Desmoralizar, corromper, sabotar, desacreditar, viciar em drogas, bloquear as exportações, sobretaxar os produtos exportados, incutir a idéia de incapacidade, fazer crer a necessidade de ser tutelado, etc., etc. e etc. Opiniões que demonstram baixa auto-estima e disseminam o sentimento de inferioridade contribuem para o sucesso dos países inimigos. Este é o objetivo dos nossos agressores. A guerra transversal é de máxima eficiência e mina a vontade de um povo lutar para vencer. Incute o sentimento de que não vale o sacrifício da reação. Prepara o terreno para a invasão armada ou outro tipo de ataque violento que subjugue o país alvo à servidão. BRASIL ACIMA DE TUDO! SELVA! EDVALDOTAVARES. MÉDICO. BRASÍLIA/DF.

  8. Arlon Borges disse:

    Não entendi qual a relação entre o comentário do colega Edvaldo e o assunto do menino sequestrado.

  9. EDVALDOTAVARES disse:

    CORRELAÇÃO DE IDÉIAS FACILITA A COMPREENSÃO. Não é o assunto mencionado, "seqüestro" ou "paternidade afetiva", é o que é entendido e divulgado: publicação da BBC sobre o conceito que fazem do Brasil no exterior e o que o cidadão brasileiro conclui. Não, devemos condenar a privação do contato do pai com o filho, mas, não considerar que o Brasil está mal na estatística internacional por fatos de tais natureza. Deve ser entendido que há desvinculação de ocorrências jurídicas de natureza policial das de natureza comerciais e políticas. Estar mal enquadrado na foto não quer dizer que o fotografado é aleijado. BRASIL ACIMA DE TUDO! SELVA! EDVALDOTAVARES. MÉDICO. BRASÍLIA/DF.

  10. Ana Lucia de Jesus Ribeiro disse:

    Desculpe, sr. Tavares, mas não lhe dou o direito de dizer que tenho a mente distraída.
    Distraído é o senhor, que fica berrando Selva! (será que esse é o novo Anauê?) enquanto mensaleiros são absolvidos por seus pares, dólares circulam em cuecas, ministros acolhem assassinos condenados e juízes rasgam a convenção internacional de Haia, da qual somos signatários.

    Para o Brasil encontrar o destino que merece, Sr. Tavares, não basta o "porque-me-ufano" idiotizado e berros selváticos (será o novo anauê? não me canso de perguntar), temos que agir caso a caso.

    E para seu governo, a única conspuiração que nos baixa a estima é a dos corruptos que entra PT, sai PT, entra PMDB, sai DEM, não largam o osso.

  11. EDVALDOTAVARES disse:

    POR QUE AS PESSOAS SE SENTEM MELINDRADAS E OFENDEM OS OUTROS QUANDO NEM SÃO MENCIONADAS? Nos meus comentários não identifiquei pessoas. Por que a agressão gratuita? Dirigi-me a idéias e impessoalidades. A menção de lema, jargão, ditado, bordão e demais, tem como amparo a liberdade de expressão, quando não ofendem, não humilham e não são palavras de baixo calão. Desculpem-me, não quis ferir suscetibilidades reprimidas de A ou B, apenas expor uma opinião. Sou adepto ao cumprimento de tratados internacionais dos quais o Brasil é signatário. Concordo que o cidadão americano tem o direito ao contacto e convívio com o filho e faço votos para que a justiça brasileira tome a melhor decisão para que pai e filho sejam felizes. Distinta senhora, perdoe-me não tê-la notado antes, e, fui dar uma olhada no que a senhora escreveu, após o seu irado comentário e, a bem da verdade, indiferente, não me despertara maior atenção que inspirasse qualquer linha de elogio ou crítica. Peço desculpa aos que se sentem ofendidos, embora não tenham os respectivos nomes sido mencionados. E, façamos todos, juntos, uma pose simpática para que fiquemos bem na próxima foto internacional. Ao término, não posso resistir à tentação de usar o meu "anauê?!", com "ufano?!" orgulho. BRASIL ACIMA DE TUDO! SELVA! EDVALDOTAVARES. MÉDICO. BRASÍLIA/DF.

  12. Ana Lucia de Jesus Ribeiro disse:

    Über Alles, Sr. Edvaldo, Über Alles. Pobre país.

  13. Alexandra Andreazza disse:

    essa materia deve ser mais divulgada!!! Aqui nos Estados Unidos, a materia aparece diariamente na televisao, capa de revistas, radios e jornais. Essa familia Lins e Silva eh tao poderosa assim? Os brasileiros no Brasil nao estao cientes do que esta acontecendo em seu proprio pais!!

  14. Arlon Borges disse:

    Alexandra, aqui ninguém sabe dessa história, nenhum jornal publicou. Mesmo este site, deu os fatos sem dar nome aos bois, os Lins e Silva são poderosos sim.

  15. cleuza disse:

    Será que ninguem enxerga que os avos estão brigando pela guarda do menino só por grana, esse tal padastro é de familia classe alta não é? se essa familia fosse pobre com certeza ja teriam devolvido.

  16. Arlon Borges disse:

    Essa família brasileira está fazendo um jogo muito sujo. Roubaram o filho do cara a ainda ficam caluniando ele, dizendo que nunca quis ver o filho. Mentira, veio e eles ocultaram o menino.

  17. denise jaime disse:

    Justica seja feita ein!Doutor Lins e Silva e pais da Bianchi fazendo sujeira e mentira tentando tirar o pai do menino da vida dele, a sua filha e netinha ficou para sempre sem a mae.E por essas e outras que a mae natureza nos poe no nosso devido lugar.0xala…Que sirva de licao!

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *