Início » Cultura » Arquitetura » Apple investe US$ 5 bilhões em sede futurística
a nave espacial de Jobs

Apple investe US$ 5 bilhões em sede futurística

Empresa quer construir um enorme edifício autossustentável com capacidade para acomodar 12 mil funcionários

Apple investe US$ 5 bilhões em sede futurística
A previsão de Tim Cook é que o prédio esteja pronto em 2016 (Reprodução/Internet)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Em sua última aparição pública Steve Jobs anunciou seus planos para criar uma nova sede corporativa para a Apple: um edifício circular com capacidade para acomodar 12 mil funcionários, na cidade de Cupertino, uma das que compõem o Vale do Silício.

“É parecido com uma nave espacial”, disse Jobs sobre o maciço anel de quatro andares que teria dois terços do tamanho do Pentágono. “É uma tentativa de construir o melhor escritório do mundo. Acredito que estudantes de arquitetura irão querer conhecê-lo”.

Jobs morreu quatro meses depois do anúncio, mas deixou claro que a empreitada seria cara. Ele tinha razão. Desde a sua morte, o orçamento da construção aumentou de US$ 2 bilhões para US$ 5 bilhões. O valor supera o orçamento do novo World Trade Center, avaliado em US$ 3,9 bilhões.

Construção está orçada em US$ 5 bilhões (Reprodução/Internet)

Apesar da morte de Jobs, o plano ainda está em andamento. Em junho, a Apple comecará a derrubar 26 edifícios no local para  dar  início às obras. A inauguração do edifício estava prevista para 2015, mas durante uma reunião, Tim Cook, CEO da Apple, adiou a data para 2016. Há tanta coisa a ser removida para a construção do prédio, que será preciso um trabalho contínuo de 24 horas.

A meta é que o edifício seja autossustentável, com cerca de 65 mil metros quadrados de painéis de energia solar, capazes de gerar oito megawatts de energia (potência suficiente para abastecer 4 mil residências). A empresa também investirá na chamada “climatização sensível”, com janelas que abrem e fecham automaticamente de forma a oferecer calor e luminosidade suficientes.

Com o boom de construção no Vale do Silício, pode ser difícil para a Apple encontrar empreiteiras para um projeto dessa magnitude. Além do mais, de acordo com pessoas próximas ao projeto, a empresa está oferecendo um contrato que reembolsa somente metado dos custos. A Apple espera que a empresa contratada trabalhe pelo glamour da empreitada.

Fontes:
Business Week-Inside Apple's Plans for Its Futuristic, $5 Billion Headquarters

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *