Início » Internacional » Artigo no ‘NYT’ revela racha no governo Trump
AUTOR ANÔNIMO

Artigo no ‘NYT’ revela racha no governo Trump

Texto de um suposto alto funcionário do governo Trump revela que membros da administração trabalham contra algumas medidas do presidente

Artigo no ‘NYT’ revela racha no governo Trump
‘Impetuoso, contraditório, insignificante e ineficaz’, falou o funcionário à respeito de Trump (Foto: Pixabay)

Menos de um dia depois da polêmica causada pelo livro do jornalista Bob Woodward sobre o presidente Donald Trump, o governo americano já precisou lidar com outro problema: um artigo anônimo de um suposto membro do alto escalão do governo revelando sabotagens à administração Trump.

O New York Times publicou, na última quarta-feira, 5, um artigo não assinado, mas sendo apresentado como um texto de um membro de alto escalão do governo Trump. Nele, o suposto funcionário admite que muitos membros da administração Trump estão trabalhando para “frustrar partes de sua agenda e suas piores inclinações”.

“Para ser claro, a nossa não é a popular ‘resistência’ da esquerda. Queremos que a administração tenha sucesso e pense que muitas de suas políticas já tornaram a América mais segura e próspera. Mas acreditamos que nosso primeiro dever é com esse país, e o presidente continua a agir de maneira prejudicial à saúde de nossa República”, escreveu.

O suposto alto funcionário seguiu fazendo diferentes alegações, afirmando que Trump não tem afinidade com os assuntos defendidos pelos conservadores, apontando ainda a falta de moralidade do presidente americano.

O membro do governo fala sobre os sucessos da administração Trump, como um exército mais robusto e uma reforma tributária histórica, mas afirma que esses pontos só foram conquistados por ser o presidente “impetuoso, contraditório, insignificante e ineficaz”.

“Reuniões com ele se desviam do assunto e se desvia dos trilhos, ele se engaja em repetidas reclamações, e sua impulsividade resulta em decisões mal tomadas, mal informadas e ocasionalmente imprudentes que precisam ser retrocedidas”, afirmou o autor, apontando ainda a inclinação de Trump por “autocratas”, como o presidente da Rússia, Vladimir Putin, e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, e o pouco apreço aos parceiros democráticos e comerciais.

Resposta de Trump

O presidente americano usou as redes sociais e fez um pronunciamento oficial para demonstrar toda a sua insatisfação com o artigo escrito no New York Times. Através do Twitter, Trump chegou a falar em “traição”, antes de afirmar que o jornal americano teria que entregar a sua fonte “por uma questão de segurança nacional”.

“O chamado ‘funcionário sênior da administração’ existe na realidade ou é apenas mais uma fonte falsa do fracassado New York Times? Se essa pessoa sem coragem existe, o Times, por uma questão de segurança nacional, deveria revelar o seu nome ao governo”, escreveu o chefe de Estado.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *