Início » Internacional » Assassino de jornalistas planejou crime com semanas de antecdência
Vingança

Assassino de jornalistas planejou crime com semanas de antecdência

Bryce Williams alugou o veículo da fuga semanas antes do ataque e planejou tudo para fazer durante a transmissão ao vivo

Assassino de jornalistas planejou crime com semanas de antecdência
Bryce Williams afirmou que o crime foi uma vingança pelo massacre de negros em Charleston (Foto: Reprodução)

O autor do ataque contra dois jornalistas na última quarta-feira, 26, conhecido como Bryce Williams, planejou o crime nos mínimos detalhes. Williams alugou o veículo de fuga semanas antes do assassinato, desde então postou várias fotos no Twitter de diferentes fases de sua vida. Além disso, ele enviou um fax de 20 páginas para a emissora ABC, onde disse estar se vingando pelo massacre de Charleston.

Leia mais: Dois jornalistas são assassinados ao vivo nos EUA

Vester Lee Flanagan, seu nome de batismo, tinha fama de ser um homem explosivo. Em seu histórico constam alguns momentos de descontrole e ataques de fúria. Em 2012, Williams foi orientado a procurar ajuda médica pela chefia da TV WDBJ, após vários colegas reclamarem das reações do ex-repórter. Segundo o diretor-geral da emissora, Jeff Marks, No momento da demissão, Flanagan precisou ser retirado do escritório com a ajuda de policiais.

“Ele tinha uma reputação complicada. Quando teve mais um de seus incidentes por explosões de raiva, dispensamos e o retiramos com ajuda de policiais”, disse Marks.

Após a demissão, o ex-funcionário acusou a empresa de discriminação e afirmou ter sofrido injúria racial. Em sua página no Twitter, Flanagan acusou os dois ex-colegas assassinados durante a fuga. Segundo ele, o cinegrafista, Adam Ward, teria denunciado ele ao RH após um dia trabalhando juntos e a repórter, Alison Parker, teria feito comentários racistas.

No fax enviado à ABC, Flanagan disse que o massacre de Charleston, onde nove negros foram assassinados por um homem branco, foi a sua motivação para realizar o ataque contra os ex-colegas.

Fontes:
O Globo-Repórter elaborou plano meticuloso para matar ex-colegas ao vivo nos EUA
O Globo-Com histórico de raiva, atirador se dizia perseguido e culpou Charleston por ataque

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *