Início » Internacional » Banco Central Europeu contra-ataca o Syriza
Grécia

Banco Central Europeu contra-ataca o Syriza

Em comunicado, BCE anunciou que não aceitará mais títulos públicos da Grécia como garantia de empréstimos a bancos do país

Banco Central Europeu contra-ataca o Syriza
Grécia é o país mais fortemente atingido pela crise em toda a Europa (Fonte: Reprodução/Getty Images)

Em comunicado divulgado nesta quinta-feira, 5, em Bruxelas, o Banco Central Europeu (BCE) — um dos integrantes da tríade que negocia a austeridade com governos europeus de países afundados na crise da dívida, junto com a Comissão Europeia e o FMI — anunciou que não aceitará mais títulos públicos da Grécia como garantia de empréstimos a bancos do país.

Na prática, a medida representa uma forte restrição ao financiamento das instituições financeiras do país mais fortemente atingido pela crise em toda a Europa, tornando o crédito mais caro para os bancos da Grécia.

Segundo o Banco Central Europeu, a decisão foi tomada por causa da incerteza acerca de um acordo com o novo governo da Grécia, encabeçado pelo partido de esquerda “antiausteridade” Syriza, sobre o empréstimo de 240 bilhões de euros feito ao país.

O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, que classificou a decisão do BCE como “chantagem”, mais uma vez marcou posição contra o plano de austeridade acordado entre seus antecessores e a União Europeia.

“Esperamos que os nossos parceiros europeus respeitem a democracia tal como nós respeitamos as regras da União Europeia. Respeitaremos a regra para orçamentos equilibrados, mas a austeridade não é um princípio fundador da União Europeia”, afirmou o premier.

Fontes:
Público - Tsipras diz que a Grécia não pode ser chantageada
BBC Brasil - Banco Central Europeu restringe financiamento a bancos gregos

2 Opiniões

  1. Joma Bastos disse:

    A União Europeia, embora tecnicamente não tenha razão quanto ao tipo de austeridade a que está obrigando os países europeus menos favorecidos, está a fazer um guerra política ao Syriza e consequentemente também ao povo grego.

  2. Roberto1776 disse:

    Pelo jeito o primeiro ministro ALEXIS TSIPRAS quer continuar a receber empréstimos que ele nunca poderá pagar.
    Esse cara deveria se filiar ao Patê, junto com toda a cambada do SYRIZA.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *