Início » Internacional » Casa Branca propõe substituir material de muro na fronteira
PARALISAÇÃO DO GOVERNO

Casa Branca propõe substituir material de muro na fronteira

Chefe de gabinete de Trump diz que concreto pode ser trocado por cerca de aço. Impasse envolvendo muro paralisou o governo americano

Casa Branca propõe substituir material de muro na fronteira
Paralisação de um quarto do governo federal entrou em sua terceira semana (Foto: Flickr/Tom Lohdan)

O chefe de gabinete da Casa Branca, Mick Mulvaney, afirmou no último domingo, 6, que a paralisação do governo americano, que entrou em sua terceira semana, “pode se arrastar muito mais”.

Segundo noticiou a Reuters, em entrevista ao programa “Meet the Press”, da emissora NBC, Mulvaney disse que a última reunião entre sua equipe e democratas foi inundada de pedidos técnicos. “Acredito que isso se arrastará intencionalmente por muito mais tempo”, disse Mulvaney.

O governo federal dos EUA entrou no chamado “shutdown” no dia 22 de dezembro, paralisando um quarto de suas atividades – o que afetou 800 mil funcionários públicos que foram colocados de licença e estão com os salários atrasados.

A paralisação se deu por conta do impasse em torno do orçamento do governo. O presidente americano Donald Trump exige que o orçamento a ser aprovado destine US$ 5,6 bilhões para a construção de um muro orçado em US$ 23 bilhões na fronteira com o México – exigência considerada infundada e fora da realidade pelos democratas.

Na entrevista à NBC, Mulvaney afirmou que Trump está disposto a mudar os materiais previstos para a obra, substituindo um muro de concreto por uma cerca de aço. “E se ele tiver que desistir de um muro de concreto, substitua-o por uma cerca de aço para fazer isso para que os democratas possam dizer: ‘Está vendo? Ele não está mais construindo um muro’, isso deve nos ajudar a avançar na direção certa”, disse Mulvaney.

As declarações dadas por Mulvaney no domingo seguem a retórica de Trump, que na última sexta-feira, 4, afirmou “estar preparado” para a paralisação orçamentária durar meses em que sabe um ano. A declaração de Trump foi dada um dia após a inauguração do novo Congresso, com os democratas com maioria na Câmara, tendo Nancy Pelosi como a principal voz da oposição.

 

Leia também: Trump e a montanha-russa econômica dos EUA

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *