Início » Internacional » China proíbe voos com modelo de avião que caiu na Etiópia
SUSPENSÃO PROVISÓRIA

China proíbe voos com modelo de avião que caiu na Etiópia

Administração da Aviação Civil da China ordenou a suspensão dos voos locais com o modelo Boeing 737 MAX 8

China proíbe voos com modelo de avião que caiu na Etiópia
O voo ET 302 fazia o trajeto entre a capital da Etiópia, Adis Abeba, e Nairobi, no Quênia (Fonte: Reprodução/Twitter/@flightradar24

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Em comunicado divulgado neste domingo, 10, a Administração da Aviação Civil da China ordenou a suspensão dos voos locais com o Boeing 737 MAX 8 após a queda de um avião deste modelo na Etiópia com 157 pessoas a bordo.

A companhia Ethiopian Airlines também suspendeu o uso do Boeing 737 MAX 8 após o acidente aéreo neste domingo, que não deixou sobreviventes.

Em outubro do ano passado, um outro acidente envolvendo o modelo da Boeing em um voo da companhia indonésia Lion Air deixou 189 mortos.

O Boeing 737 MAX 8 foi lançado em 2016. Nos dois acidentes registrados, a queda do avião ocorreu poucos minutos após a decolagem.

A Administração da Aviação Civil da China ressaltou que irá informar às companhias aéreas quando os voos com o modelo da Boeing serão autorizados novamente. O órgão também destacou, por meio do comunicado, que “dado que os dois acidentes envolveram dois modelos Boeing 737 MAX 8 entregues recentemente e que ocorreram durante a fase de decolagem, há algum grau de semelhança”.

Em entrevista coletiva, o presidente da Ethiopian Airlines, Tewolde GebreMariam Medhin, afirmou que “é um avião novo em folha, sem registros de problemas técnicos, comandado por um piloto sênior, e não há nenhuma causa à qual possamos atribuir [o acidente deste domingo] neste momento”.

Fontes:
G1 - China proíbe voos locais com Boeing 737 MAX 8 após acidente na Etiópia

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *