Início » Internacional » Ciberataque atinge mais de 200 entidades na Ucrânia e Rússia
CIBERATAQUE

Ciberataque atinge mais de 200 entidades na Ucrânia e Rússia

Este é o segundo ciberataque em grande escala em menos de seis meses

Ciberataque atinge mais de 200 entidades na Ucrânia e Rússia
Vírus BadRabbit foi o responsável pelo mau funcionamento de empresas (Foto: Flickr/Portal gda)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Quase três meses depois da Europa ter sofrido com um ciberataque de larga escala, mais de 200 entidades da Ucrânia e Rússia foram vítimas de uma nova ofensiva dos hackers. O novo ataque prejudicou, entre os atingidos, meios de comunicação russos, além do Aeroporto Internacional de Odessa e o metrô de Kiev, ambos na Ucrânia.

O responsável pelo mau funcionamento das empresas foi o vírus BadRabbit, de acordo com a empresa de segurança digital Kaspersky. O ciberataque começou disfarçado de um arquivo de instalação do Adobe Flash, que, de acordo com a empresa Adobe, não será mais atualizado a partir de 2020.

A agência de notícias russa Interfax foi bastante afetada, com seu site ficando fora do ar durante esta quarta-feira. De acordo com a entidade, os sistemas estão sendo reestabelecidos aos poucos, pois grande parte ainda não funcionam. Já o metrô de Kiev informou que só está aceitando pagamento em dinheiro temporariamente.

Este é o terceiro ciberataque de grande escala que a Ucrânia sofre em menos de dois anos, e o segundo da Rússia. Durante o feriado de Natal de 2015, os ucranianos sofreram com grande apagão, que durou várias horas, devido a ação de hackers.

Em junho deste ano, Rússia, Ucrânia e grande parte da Europa foram vítimas de uma nova ofensiva. Os dois países foram os mais afetados, com interrupções em serviços de bancos, aeroportos e estações de metrô.

Fontes:
G1-Ciberataque atinge mais de 200 entidades na Rússia e Ucrânia

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *