Início » Internacional » Cientistas conseguem extrair vestígios do vírus HIV de DNA infectado
Estudo

Cientistas conseguem extrair vestígios do vírus HIV de DNA infectado

Embora ainda não seja possível aplicar a técnica em humanos, o método é considerado uma prova de que pode existir cura para a doença

Cientistas conseguem extrair vestígios do vírus HIV de DNA infectado
O tratamento ainda não pode ser aplicado aos seres humanos em larga escala (Reprodução/AP)

Um estudo elaborado por cientistas da Universidade de Temple, na Filadélfia, mostra que é possível erradicar todos os vestígios do vírus HIV, a partir de uma cultura de células infectadas.

Embora ainda não seja possível aplicar a técnica em humanos, o método é considerado uma “prova de conceito” de que pode existir cura para a doença. A investigação foi publicada na revista da Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos. O estudo pode derrubar a tese de que, uma vez infectada com o HIV, a pessoa nunca deixa de portar o vírus, forçando o uso de medicação ao longo vida.

A recomendação é feita porque o vírus não existe apenas no organismo, ele se “camufla” em algumas células chamadas de “reservatórios”, alcançando os genes no DNA do hospedeiro. Os atuais tratamentos retrovirais são capazes de evitar que o HIV transite pelo corpo, contudo, uma vez inserido no DNA, não há possibilidades de retirá-lo.

O experimento dos pesquisadores mostra, no entanto, que é possível retirar o HIV do código genético. Para isso, eles introduziram enzimas células infectadas capazes de cortar fragmentos malignos do DNA. Em um segundo momento, o próprio sistema de reparo do genoma faz o trabalho de recuperar genes como eram antes da infecção.

Apesar de promissor, os cientistas ressaltam que este é apenas um primeiro e pequeno passo. O tratamento ainda não pode ser aplicado em seres humanos em larga escala, uma vez que existem milhares de tipos de células infectadas, sendo o processo complexo demais para ser usado em todo o organismo.

Fontes:
O Globo-Cientistas conseguem ‘limpar’ DNA infectado de HIV

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *