Início » Internacional » Colômbia anuncia novo plano para combater o tráfico de cocaína
Narcotráfico

Colômbia anuncia novo plano para combater o tráfico de cocaína

Governo colombiano não usará mais aviões americanos para destruir plantações de coca

Colômbia anuncia novo plano para combater o tráfico de cocaína
Mais de 1,6 milhões de hectares de plantação de coca já foram destruídas nas últimas duas décadas (Foto: Wikipedia)

Nesta terça-feira, 23, o presidente colombiano Juan Manuel Santos anunciou um novo plano para acabar com o comércio ilegal de cocaína. O Plano Integral de Substituição de Cultivos Ilícitos consiste na erradicação voluntária do tráfico. Ao invés de utilizar aviões dos EUA para pulverizar áreas com herbicidas, o governo dará terras e assistência àqueles que abandonarem suas plantações de coca.

De acordo com o governo, dos 1.102 municípios colombianos, apenas 204 tem cultivos de coca e 81% da produção se concentra em seis localidades: Putumayo, Nariño, Cauca, Caquetá, Guaviare e Norte de Santander. “A Colombia não precisa continuar sendo o maior exportador de cocaína do planeta e nós vamos provar isso”, disse o presidente colombiano em discurso.

Santos decidiu em maio acabar com a pulverização aérea após uma pesquisa da Organização Mundial de Saúde reclassificar o herbicida glifosato como um provável cancerígeno. O presidente confirmou que dois terços dos cultivos ilícitos estão localizados em parques naturais, zonas de reserva natural ou territórios étnicos ou coletivos. Mais de 1,6 milhões de hectares de plantação de coca já foram destruídos nas últimas duas décadas.

“Vamos começar a implementar o plano que apresentamos hoje, neste ano e em 2016, nos dois departamentos de maior produção, que são Putumayo e Nariño, onde há 26 mil famílias produtoras de coca”, disse Santos.

Mesmo antes do fim do programa de pulverização no próximo mês, a produção de cocaína vêm crescendo. De acordo com o governo dos Estados Unidos, após seis anos de estabilidade ou declínio da produção, a quantidade de terra cultivada com plantações de coca na Colômbia aumentou 39% em 2014, chegando a cobrir 112 mil hectares.

O mandatário colombiano disse que se tiver êxito, a Colômbia deixará de ter esse recorde triste de ser o maior exportador de cocaína do mundo. “Seremos um país que cuida do meio ambiente, que se preocupa com a segurança alimentar do mundo e que apoia seus agricultores”.

Fontes:
New York Times - Colombia: New Drug Tactic Announced
Washington Post - Colombia revamps drug policy as US eradication program ends
El Espectador - Gobierno entregará tierras a cambio de sustituir cultivos de coca

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *