Início » Internacional » Dinamarca enfrentou oito dias de revoltas
Charges de Maomé

Dinamarca enfrentou oito dias de revoltas

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O bairro de Norrebro, no oeste de Copenhagen, foi onde começaram os incêndios de carros há uma semana.

Núcleos de imigrantes muçulmanos resistem à integração na sociedade e fazem de tudo para evitar que seus filhos se tornem dinamarqueses. A taxa de desemprego entre os imigrantes não-europeus é mais alta do que para os dinamarqueses, mas a economia vai bem e se aproxima do pleno emprego.

Fontes:
Le Monde - Huit jours d'émeutes confrontent les Danois à leur modèle d'intégration

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Markut disse:

    O que foi buscar, na Dinamarca, esse bando de muçulmanos furiosos?
    Certamente, melhores condições de vida, do que nos seus paises de origem.
    Esquecidos disso, falou mais alto o fanatismo ignorante e irracional, feito manada enfurecida.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *