Início » Internacional » Donald Trump rouba a cena no debate republicano
Eleições nos EUA

Donald Trump rouba a cena no debate republicano

Candidato usou discurso agressivo e debochado e desrespeitou as regras de decoro político em vários momentos do debate

Donald Trump rouba a cena no debate republicano
Trump é criticado por seu discurso agressivo, principalmente contra as mulheres que ele não gosta (Foto: Wikimedia)

O candidato Donald Trump roubou a cena durante o primeiro debate do Partido Republicano para as prévias das eleições presidenciais nos Estados Unidos. O candidato adotou uma postura ameaçadora e agressiva, até mesmo com a moderadora do programa.

Quando confrontado sobre seu hábito de descrever mulheres que ele não gosta com adjetivos como “porcas gordas”, “desleixadas” ou “animais repugnantes”, ele respondeu com desdém, dizendo que nem ele nem os Estados Unidos “têm tempo para discursos politicamente corretos”.

Após garantir uma vaga na corrida presidencial do Partido Republicano, emergindo como uma preocupação singular na campanha de 2016, a dúvida que pairava sobre Trump, o empresário do setor imobiliário que passou de estrela de um reality show a candidato presidencial, era se ele iria adotar um discurso ponderado, diplomático e mais presidenciável no debate da última quinta-feira. Não foi o que aconteceu.

Desde o começo da noite, quando ele deu um sorriso irônico e fez o sinal de vitória à multidão que assistia ao debate, Donald Trump manteve seu irreprimível egocentrismo. “Acho que você não está me ouvindo”, disse ele ao Senador Rand Paul, quando o legislador, que usa aparelhos auditivos, tentou interrompê-lo.

Muitas e muitas vezes, em momentos que foram tão surpreendentes quanto constrangedores, ele desrespeitou abertamente as regras do decoro político e também as do seu partido, que pune deslealdade e qualquer tentativa de aproximação com membros da oposição, como as doações que ele fez alguns anos atrás à líder democrata, Hillary Clinton, atual rival na disputa pela Casa Branca.

Em seu desempenho na noite desta última quinta-feira, Trump deixou claro que sua candidatura tem como único ponto atrativo a sua personalidade incontrolável e impulsiva. É incerto se ele tem a capacidade, ou mesmo o interesse, de transformar essa  raiva em um movimento político de pleno direito ou em uma proposta política que atraia um público mais plural.

Fontes:
NY Times-Donald Trump Steals the Show, Mixing Politics and Pizazz

2 Opiniões

  1. Markut disse:

    Esse Donald Trump põe por terra a minha convicção que maus gestores provêm necessariamente de más escolhas do eleitorado, , num pressuposto a ser confirmado,, de que um eleitor mais esclarecido e melhor escolarizado escolhe melhor os seus candidatos.
    Pelo visto, se ele vencer, deveremos ficar de olho na escolaridade e discernimento do eleitor americano, também.
    A força do pão e circo é indiscutível e, há muito tempo ; pelo menos, desde o Império Romano.

  2. Ludwig Von Drake disse:

    Trump é trunfo em português – que significa uma estratégia no jogo; é da mesma origem de “trampa”, em espanhol, que significa armadilha. Tramposo, palavra espanhola muito usada no Rio Grande do Sul, significa pessoa desonesta. O Donald mais famoso no Brasil é o pato idiota e fanfarrão da Disney, reparem como eles se parecem.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *