Início » Internacional » Duas pessoas morrem em plebiscito informal na Venezuela
CONVOCADO PELA OPOSIÇÃO

Duas pessoas morrem em plebiscito informal na Venezuela

Maioria esmagadora dos participantes do pleito foi contra a Assembleia Constituinte convocada por Maduro para estender seu mandato

Duas pessoas morrem em plebiscito informal na Venezuela
No total, mais de 7 milhões de venezuelanos no país e no exterior participaram da votação (Foto: Redfm)

Duas pessoas morreram e outras quatro ficaram feridas durante um plebiscito informal na Venezuela sobre a formação da Assembleia Nacional Constituinte convocada por Nicolás Maduro, ocorrido no último domingo, 16.

O pleito foi organizado pela oposição com o objetivo de ir contra a Assembleia Constituinte convocada por Nicolás Maduro. Segundo a oposição, o ataque foi realizado por grupos pró-governistas em Catia, subúrbio de Caracas.

O Ministério Público venezuelano confirmou uma das mortes, a da enfermeira Xiomara Scott, de 61 anos. Mais de 300 pessoas se protegeram dentro da igreja de El Carmen durante o ataque com tiros e bombas de gás lacrimogênio.

Apesar de o pleito ser informal (o Conselho Nacional Eleitoral da Venezuela não reconhece a votação), o plebiscito faz pressão contra o governo. Segundo Raúl López, reitor da Universidade Pedagógica Experimental Libertador, 98,4% dos participantes foram contra a Assembleia Nacional Constituinte. No total, mais de 7 milhões de venezuelanos no país e no exterior participaram da votação.

Na prática, a Assembleia Constituinte atrasa a eleição presidencial, prevista para o fim de 2018, e estende o mandato de Maduro. O Conselho Nacional Eleitoral (CNE) é acusado pela oposição de servir a Maduro.

O plebiscito informal recebeu o apoio da Igreja Católica, da ONU, da Organização dos Estados Americanos (OEA), dos Estados Unidos e de vários governos de América Latina e Europa.

Fontes:
G1-Duas pessoas morreram durante plebiscito informal na Venezuela, diz oposição
G1-Mais de 98% votaram contra Maduro em plebiscito simbólico

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. laercio disse:

    O plebiscito é uma grande oportunidade para iniciar mudanças!
    O Brasil está precisando de vários desses plebiscitos para que possamos ideologicamente romper com a figura do político.
    Nos anos 60 eram necessárias as figuras políticas pois representavam as opiniões de grupos diferentes, assim como os partidos.

    Quase 50 anos depois o mundo mudou! Para que serve um político hoje? Eletronicamente podemos coletar as milhões de opiniões sobre qualquer assunto! Eletronicamente podemos debater sobre um assunto, e, também votar!

    Então, o povo por si só já pode ser representado! Para que precisamos de políticos!
    Agora podemos por 210 milhões de brasileiros em uma sala eletrônica e votar sobre tudo!

    Já existe site oficial de votação para com diversas questões…

    O que eu estou escrevendo não é mais ficção e sim realidade.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *