Início » Economia » Economia de Cingapura é a que mais cresce entre países ricos
Ásia

Economia de Cingapura é a que mais cresce entre países ricos

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A renda per capita do país asiático já é mais alta do que a da Espanha e a da Nova Zelândia, e cinco vezes a da Malásia.

Nos doze meses até setembro deste ano, a economia de Cingapura cresceu 9,4%. Segundo o economista Robert Pior-Wandesforde, trata-se de um país desenvolvido que cresce na velocidade de uma nação em desenvolvimento. Desde a crise asiática de 1997, Cingapura tem se saído melhor do que sua rival Hong Kong.

Sinais de um boom são visíveis. Os centros comerciais da Orchard Road estão movimentados, hotéis estão lotados de turistas ricos e os aluguéis de escritórios aumentaram 50% no ano passado, enquanto o preço de casas subiu 28%.

Fontes:
Economist = Singapore's economy -- High-flyer

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Eduardo Buys disse:

    Parabéns para Cingapura, mas não podemos deixar de sentir uma certa dor de cotovelo, como brasileiro que temos nosso país na posição 122, em termos mundiais, em Ambiente de Negócios, para o surgimento e prosperidade de micro e pequenas empresas, num total de 178 paises do restante do mundo.
    Se temos a 5a maior área, com abundância de recursos minerais desta mesma ordem, se temos a maior energia de insolação de todo o planeta, energia que vale mais que ouro e petroleo juntos, se temos uma economia ainda mirrada, mas em torno das 10 maiores, se não temos conflitos internos e nem travamos guerras, como crescemos a passos de cágado (ver no Michaelis :cá.ga.do sm
    1-Zool.Nome genérico de vários répteis da ordem dos Quelônios…2- Indivíduo que anda vagarosamente.3-Homem preguiçoso…). Com os melhores recursos, mas com os piores índices de Ambiente de Negócios, a resultante é u m IDH- índice de desenvolvimento humano, medido pela ONU, em 67o lugar. Este não é o Brasil possível. Temos que fazer mais. Muito mais.
    Eduardo Buys Blog do Varejo http://www.varejototal.zip.net

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *