Início » Internacional » Egito declara emergência após explosões em igrejas
ATENTADOS

Egito declara emergência após explosões em igrejas

Presidente egípcio afirmou que objetivo é 'proteger o país e preservar (sua segurança)'

Egito declara emergência após explosões em igrejas
Atentados foram reivindicados pelo grupo radical Estado Islâmico (Fonte: Reprodução/Reuters)

O presidente do Egito, Abdel Fattah al-Sisi, declarou estado de emergência por três meses no país após os atentados com explosivos contra duas igrejas cristãs neste domingo, 9.

A decisão do presidente egípcio, anunciada na noite deste domingo, ainda está sujeita à aprovação do Parlamento, conforme prevê a Constituição do Egito. De acordo com Abdel Fattah al-Sisi, o objetivo é “proteger o país e preservar (sua segurança)”.

O Parlamento, que é dominado pelo grupo político de al-Sisi, tem uma semana para se pronunciar. O presidente egípcio afirmou ainda que os aparelhos de segurança vão “intensificar seus esforços para punir os criminosos” responsáveis pelos dois atentados, que deixaram pelo menos 44 mortos.

Al-Sisi ressaltou, em mensagem direcionada à comunidade internacional, que é preciso “castigar os países que apoiaram o terrorismo e criaram a ideologia (radical) e trouxeram combatentes (ao Egito) de todo o mundo”.

As explosões neste domingo atingiram duas igrejas cristãs coptas, uma em Tanta e outra em Alexandria. Além das 44 mortes, mais de 100 pessoas ficaram feridas, segundo o ministério da Saúde do Egito.

Os atentados foram reivindicados pelo grupo radical Estado Islâmico por meio de sua agência de notícia, a Amaq.

As igrejas cristãs são frequentemente alvos de atentados no Egito. No fim do ano passado, explosões na maior catedral do Cairo deixaram 25 mortos e 49 feridos.

Fontes:
G1 - Presidente do Egito declara três meses de estado de emergência após explosões em igrejas

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *