Início » Internacional » Enchentes podem elevar número de mortos pelo Florence
DEPRESSÃO TROPICAL

Enchentes podem elevar número de mortos pelo Florence

Embora tenha sido rebaixado de ‘furacão’ para ‘depressão tropical’, o Florence vem causando alagamentos em várias regiões dos EUA. Pelo menos 32 mortes foram confirmadas

Enchentes podem elevar número de mortos pelo Florence
Expectativa é que o Florence deixe o território americano nesta terça-feira, 18 (Foto: Lt. Jason Elmore/Twitter)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O furacão Florence, que foi rebaixado para a categoria “depressão tropical”, segue causando mortes e destruição pelos Estados Unidos. Pelo menos 32 mortes foram confirmadas até o início desta terça-feira, 18. Ao fim do dia, a tempestade deve deixar o território americano, se encaminhando para o mar.

O estado da Carolina do Norte foi o principal atingido pela força da tempestade. Ao todo, 25 pessoas morreram, entre elas uma criança de um ano, que foi arrastada pela força da correnteza dos braços da mãe. Outros seis óbitos foram registrados na Carolina do Sul e um no estado da Virginia. Os principais motivos das mortes foram afogamentos e quedas de árvores.

Apesar de já ter perdido forças, o Florence continua levando perigo a diferentes localidades dos Estados Unidos. Muitas ruas estão completamente alagadas, casas foram invadidas e carros submersos. Algumas estradas precisaram ser bloqueadas por causa da queda de árvores e do alto nível da água. Milhares de casas ficaram danificadas, tanto pela força da água, quanto pela queda de árvores.

Muitas empresas precisaram interromper os serviços e diferentes companhias foram prejudicadas pela força da tempestade. “Eu aceitei, meu prédio vai ser inundado”, afirmou John Cassidy, proprietário de um negócio de impressão, em entrevista à rede CNN.

A cidade de Wilmington, na Carolina do Norte, foi uma das principais atingidas. Além de lidar com a força da tempestade, os moradores viram o rio da cidade transbordar, causando grandes alagamentos. Dezenas de pessoas tiveram de ser resgatadas pelas autoridades. O prefeito Bill Saffo chegou a alertar para que ninguém tentasse entrar na cidade, pois a “Patrulha Rodoviária não deixará”.

A região da Nova Inglaterra, no nordeste dos Estados Unidos, deve ser a principal atingida pelos resquícios do Florence nesta terça-feira. O fim da tempestade ainda deve atingir os estados da Pensilvânia, Washington, Nova York e Massachussets, segundo o meteorologista da CNN, Pedram Javaheri. Após a passagem pelo local, o Florence deve se dirigir para o mar.

Pelas redes sociais, o governador da Carolina do Norte, Roy Cooper, mostrou confiança em uma rápida recuperação do estado após a passagem completa da tempestade. “Eu sei que vamos nos recuperar, e que esta comunidade vai se recuperar. Eu conheço o tipo de pessoas que moram aqui, e sei que querem ajudar”.

 

Leia mais: Cresce o número de mortes causadas pelo furacão Florence
Leia mais: Usinas nucleares no caminho do furacão Florence

Fontes:
The New York Times-Rivers Keep Rising and More Deaths Are Feared as Florence Pushes Away
CNN-Florence is expected to bring heavy rain to the Northeast before moving offshore

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *