Início » Internacional » Especialista revela o futuro sombrio das novas tecnologias
Segurança Digital

Especialista revela o futuro sombrio das novas tecnologias

A crescente ameaça dos hackers e a vulnerabilidade dos sistemas de segurança exigem uma nova abordagem para combater os ataques cibernéticos, escreve Marc Goodman em novo livro

Especialista revela o futuro sombrio das novas tecnologias
O acesso ilegal a um sistema de computadores se tornou uma atividade multinacional comandada por mentes criminosas e seres invisíveis, diz Goodman (Reprodução/Internet)

Os avanços tecnológicos têm beneficiado o mundo de maneiras imensuráveis, mas há também um outro lado sinistro: a tecnologia pode se voltar contra nós. Hackers podem ativar babás eletrônicas para espionar famílias, ladrões analisam mensagens em redes sociais para traçar invasões a domicílios e stalkers exploram dados de GPS em smartphones para controlar cada movimento de suas vítimas. Todos sabem que os criminosos de hoje podem roubar identidades, esvaziar contas bancárias online e destruir servidores de computador, mas isso é apenas o começo.

O livro Future Crimes: Everything Is Connected, Everyone Is Vulnerable and What We Can Do About It de Marc Goodman descreve diversos episódios, que mostram como o acesso ilegal a um sistema de computadores se tornou uma atividade multinacional comandada por mentes criminosas e seres invisíveis, que desviam dados valiosos, roubam informações e realizam ações destrutivas.

Até o momento, não existe um computador que não poderia ser hackeado, um fato preocupante, dada a dependência da sociedade nessas máquinas, que controlam desde a rede elétrica de uma população inteira ao tráfego aéreo aos serviços financeiros.

O mundo corporativo digital têm sofrido ataques de extrema gravidade. Após uma série recente de violações de redes de computadores, desde o ciberataque devastador na Sony Pictures Entertainment às notícias da última semana do desvio de grandes somas de dinheiro de bancos da Rússia e de outros lugares, a questão da segurança cibernética é agora um assunto prioritário na pauta das agendas dos executivos no mundo inteiro.

Segundo Goodman, que trabalhou com a Interpol e o FBI antes de se especializar em criminalidade digital, a ciberguerra só tende a se agravar. À medida que a tecnologia avança com rapidez, muitas coisas, desde marca-passos, a freios de carros e centrais de energia elétrica, estão conectados à internet e são controlados por softwares vulneráveis a escroques e terroristas. Enquanto isso, as impressoras 3-D podem produzir fuzis AK-47, bioterroristas podem baixar a fórmula para a gripe espanhola, e os cartéis estão utilizando frotas de drones para transportar drogas através das fronteiras.

Fontes:
Economist-Good tech,bad tech
Amazon - Future Crimes: Everything Is Connected, Everyone Is Vulnerable and What We Can Do About It
TED - Marc Goodman: uma visão dos crimes no futuro

1 Opinião

  1. JOSE FABIANO COELHO PITOMBEIRA disse:

    A educação é investimento e não despesa, pois propicia ao país o desenvolvimento de novas tecnologias e por consequencia desenvolvimento e bem-estar social.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *