Início » Internacional » Estado Islâmico executou quase 2 mil pessoas em seis meses na Síria
Terrorismo

Estado Islâmico executou quase 2 mil pessoas em seis meses na Síria

De acordo com o Observatório Sírio para os Direitos Humanos, o grupo militante matou 1.878 pessoas, a maioria civis

Estado Islâmico executou quase 2 mil pessoas em seis meses na Síria
Estado Islâmico tem divulgado decapitações e apedrejamentos (Fonte: Reprodução/SITE)

O Observatório Sírio para os Direitos Humanos informou neste domingo, 28, que o grupo militante Estado Islâmico matou 1.878 pessoas na Síria nos últimos seis meses, a maioria civis.

Ainda de acordo com a Ong, o Estado Islâmico também matou 120 de seus próprios combatentes nos últimos dois meses, sendo a maioria deles estrangeiros que tentavam retornar para casa.

Desde junho, o grupo militante tem lutado contra os governos da Síria e do Iraque, e ainda contra outros insurgentes e forças curdas.

Do total de mortos, 1.175 eram civis, incluindo oito mulheres e quatro crianças.

O Estado Islâmico tem divulgado decapitações e apedrejamentos de várias pessoas em áreas que controla na Síria e no Iraque. As vítimas são acusadas pelo grupo militante de ações que violam a lei islâmica, como adultério, homossexualidade, roubo e blasfêmia.

Fontes:
Uol - Estado Islâmico matou quase 2 mil pessoas em seis meses, diz organização

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *