Início » Vida » Ciência » Estudo descobre gene responsável pelos relacionamentos amorosos
O gene do amor

Estudo descobre gene responsável pelos relacionamentos amorosos

Cientistas da Universidade de Pequim descobrem duas variantes genéticas que podem elevar ou diminuir as chances de ser bem sucedido em um relacionamento amoroso

Estudo descobre gene responsável pelos relacionamentos amorosos
O foco do estudo foi um gene chamado 5-HTA1, ligado à produção de serotonina (Reprodução/Internet)

Um estudo feito por cientistas da Universidade de Pequim pode ter encontrado a variação genética que eleva as chances de uma pessoa ser bem sucedida em relacionamentos amorosos.

O foco do estudo foi um gene chamado 5-HTA1, ligado à produção de serotonina, hormônio responsável pelo humor. De acordo com os cientistas, esse hormônio tem duas variantes , conhecidas como C e G.

A variante C do gene gera níveis mais elevados de serotonina do que a variante G. Cada pessoa pode herdar dos pais uma dupla da variante C, uma dupla da variante G ou uma dupla formada pelas duas variantes.

Os cientistas analisaram 579 estudantes chineses da etnia Han, maioria na China, e descobriu que metade dos estudantes que herdaram a dupla da variante C do gene estavam em relacionamentos. Já os que herdaram a variante G apresentaram apenas 40% de chances de estar em um relacionamento.

Segundo os cientistas, isso ocorre porque os que herdam a variante G são mais propensos a serem neuróticos e depressivos. “Como pessimismo e neuroticismo são prejudiciais para a formação, qualidade e estabilidade das relações, essa conexão entre a variante G e desordens psicológicas pode diminuir as oportunidades de namoro e levar ao fracasso do relacionamento romântico”, afirmou Xiaolin Zhou, um dos líderes do estudo.

Fontes:
The Guardian-‘Happy gene’ may increase chances of romantic relationships

1 Opinião

  1. Ludwig Von Drake disse:

    Há anos que os cientistas tentam reduzir tudo ao funcionamento das glândulas, acreditam que no futuro compraremos felicidade na farmácia. Muitos acreditam compra-la nos becos, nos morros.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *