Início » Internacional » EUA insistem que sanções vão continuar até desnuclearização
INTERNACIONAL

EUA insistem que sanções vão continuar até desnuclearização

Secretário de Estado americano desmentiu informações da mídia estatal norte-coreana

EUA insistem que sanções vão continuar até desnuclearização
Donald Trump e Kim Jong-un assinaram um acordo em encontro histórico (Foto: Joyce N. Boghosian/ The White House)

Nesta quinta-feira, 14, o Secretário de Estado americano Mike Pompeo disse que o presidente Trump não vai abir mão da exigência de que a Coreia do Norte desista de suas armas nucleares. “O alívio das sanções não vai acontecer até que nós mostremos que a Coreia do Norte está completamente desnuclearizada”, disse Mike Pompeo.

Numa coletiva de imprensa em Seoul, na Coreia do Sul, Pompeu suavizou alguns dos comentários recentes de Trump e insistiu que as sanções vão continuar até que a Coreia do Norte se desnuclearize completamente.

Os comentários de Pompeo têm o objetivo de refutar matérias da mídia estatal da Coreia do Norte, que dizia que os Estados Unidos tinham concordado em facilitar as sanções contra a Coreia do Norte.

No encontro histórico que ocorreu na última terça-feira, 12, o presidente americano Donald Trump e o líder norte-coreano Kim Jong-un assinaram um acordo. Kim se comprometeu com a vaga promessa de “desnuclearização completa” e Trump prometeu o vago restabelecimento da paz. O documento não tinha detalhes sobre quando e como a Coreia do Norte vai desmantelar seu programa nuclear e o que vai fazer com seus mísseis.

Na última quarta-feira, 13, a mídia estatal da Coreia do Norte reportou que Trump concordou em revogar as sanções quando as relações melhoraram  e que ele endossou um processo de desnuclearização passo a passo. Na última terça-feira, 12, Trump anunciou que ele ia acabar com os exercícios militares conjuntos com a Coreia do Sul, dizendo que eles eram “muito caros” e “provocativos”.

Leia também: Kim Jong-un aceita convite para ir aos EUA

 

Fontes:
The New York Times-U.S. Insists Sanctions Will Remain Until North Korea Denuclearizes

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *