Início » Internacional » Ex-presidente de Israel será indiciado por estupro
Crime

Ex-presidente de Israel será indiciado por estupro

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O Ministério da Justiça de Israel divulgou comunicado neste domingo (08/03) no qual informa a decisão da procuradoria-geral de indiciar judicialmente o ex-presidente Moshé Katsav por estupro e assédio sexual.

"O procurador-geral e o promotor do Estado decidiram acusar Moshé Katsav de delitos sexuais contra várias de suas funcionárias quando era ministro do Turismo e presidente do Estado, incluindo as acusações de estupro e assédio sexual", anuncia o comunicado.

A decisão foi tomada depois que o procurador-geral e o promotor de Estado chegaram à conclusão de que os testemunhos das vítimas são confiáveis e que existem provas suficientes para um indiciamento, afirma o ministério.

Fontes:
Veja - Procurador-geral de Israel indiciará ex-presidente Moshé Katsav por estupro

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Manuela disse:

    Ah, tudo bem. Agora parece que estupro é melhor do que aborto, segundo os bispos brasileiros, não é mesmo? Então o ex-presidente Moshé Katsa seria considerado inocente aqui no Brasil…

  2. Neusi Maria Manso disse:

    A moda pegou mesmo. Agora é estupro a toda hora. Aja excomunhão para as mães e as estupradas do mundo afora. O vaticano vai ter assunto pra trabalhar e continuar espalhando sua interferência no que não lhe compete.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *