Início » Internacional » Falha expõe perfis de moderadores de conteúdo do Facebook
RISCO DE SEGURANÇA

Falha expõe perfis de moderadores de conteúdo do Facebook

Vítimas são responsáveis pela remoção de conteúdo impróprio da rede social, como material sexual, discurso de ódio e propaganda terrorista

Falha expõe perfis de moderadores de conteúdo do Facebook
Perfis dos moderadores foram expostos a suspeitos de terrorismo (Foto: Pixabay)

O Facebook colocou a segurança de seus moderadores de conteúdo em risco depois de expor suas informações pessoais a suspeitos de terrorismo, que são usuários da rede social. A informação foi revelada pelo Guardian.

Uma falha de segurança afetou mais de mil trabalhadores em 22 departamentos do Facebook. As vítimas são responsáveis por revisar o software de moderação da empresa, além de remover conteúdo impróprio da rede social, o que inclui material sexual, discurso de ódio e propaganda terrorista.

Um “bug” no sistema, descoberto no ano passado, resultou na aparição de uma notificação automática, identificando o perfil pessoal dos moderadores, nos grupos do Facebook, no qual os administradores eram removidos da plataforma por descumprir as normas de uso. Os perfis pessoais dos moderadores ficavam então visíveis para os administradores remanescentes do grupo.

Dos mil trabalhadores afetados, cerca de 40 trabalhavam na unidade de contraterrorismo que fica em Dublin, na Irlanda. Seis deles foram consideradas vítimas de “alta prioridade”.

O Facebook confirmou a falha de segurança e disse que fez mudanças técnicas para “melhor detectar e prevenir estes tipos de problemas”. “Nós nos importamos profundamente em manter todos que trabalham para o Facebook seguros”, disse um porta-voz. O Facebook ofereceu um sistema de segurança para a casa das vítimas e transporte de ida e volta para o trabalho. No entanto, as vítimas acharam as medidas insuficientes. Um deles, que não quis ser identificado, disse que alguns passaram semanas em “estado de pânico”.

A fonte também afirmou que só teve duas semanas de treinamento e teve que usar seu perfil pessoal para logar no sistema de moderação. “Eles deviam ter nos deixado usar um perfil falso, eles nunca avisaram que algo assim poderia acontecer”. O Facebook disse ao Guardian que depois do ocorrido está testando usar contas administrativas que não são ligadas a perfis pessoais.

Fontes:
The Guardian-Revealed: Facebook exposed identities of moderators to suspected terrorists

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *