Início » Internacional » FBI teria dados que apontam ligação de Trump com russos, diz CNN
VAZAMENTO DE DADOS

FBI teria dados que apontam ligação de Trump com russos, diz CNN

Segundo a CNN, o FBI colheu informações de que a equipe de Trump coordenou com agentes russos o vazamento de dados da campanha de Hillary Clinton

FBI teria dados que apontam ligação de Trump com russos, diz CNN
FBI investiga possíveis contatos entre russos e funcionários da campanha do presidente americano (Foto: Flickr/Gage Skidmore)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O FBI (Agência Federal de Investigação americana) está investigando uma possível ligação entre funcionários do presidente americano Donald Trump e agentes russos para vazar informações que pudessem prejudicar a campanha presidencial da democrata Hillary Clinton. Segundo a rede televisiva CNN, a agência americana teria informações de que os funcionários de Trump coordenaram os vazamentos junto com os agentes.

Na última segunda-feira, 22, o diretor do FBI, James Comey, havia confirmado publicamente ao Congresso americano que estava investigando possíveis ligações entre o Kremlin e a Casa Branca durante as eleições presidenciais e a reportagem da CNN publicada na noite desta quarta-feira, 22, indica que o FBI estaria reanalisando informações, que incluem gravações telefônicas, registros de encontros, viagens, entre outras provas.

Essas informações aumentam as suspeitas de que, de fato, houve uma coordenação para vazar documentos que prejudicassem a campanha da candidata democrata antes das eleições. “Os funcionários do FBI, no entanto, alertaram que a informação não é conclusiva e que a investigação ainda está sendo feita”, afirmou a emissora americana.

Em nota, Comey afirmou que a agência recolheu “alegações críveis de transgressões ou pelo menos um indício razoável de que um americano pode ter atuado como agente de uma força estrangeira”.

Tanto a Casa Branca como o Kremlin negam as acusações e as classificam como “infundadas”. O porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer, salientou que “investigar [a possível ligação] e ter provas são duas coisas diferentes”.

Fontes:
CNN-US officials: Info suggests Trump associates may have coordinated with Russians

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *