Início » Internacional » Fome na Somália
INTERNACIONAL

Fome na Somália

Forte seca pode significar o terceiro caso de fome no país em um quarto de século

Fome na Somália
A Somália já declarou a seca como uma tragédia nacional (Foto: Pixabay)

Se não bastasse o cenário de corrupção, a Somália agora enfrenta uma dura realidade por conta da fome, ocasionada pela forte seca. Pelo menos 6,2 milhões de pessoas na Somália estão lutando contra a falta de comida.

O primeiro-ministro da Somália, Hassan Ali Khaire, disse que num intervalo de dois dias, pelo menos 110 pessoas morreram de fome em apenas uma região do país. A Somália já declarou a seca como uma tragédia nacional. Khaire ainda diz que a falta de água potável aumenta o risco de doenças transmitidas pela água, ao mesmo tempo em que as pessoas desnutridas não têm imunidade o suficiente para lutar contra elas. “O governo somali vai fazer seu melhor e nós clamamos para que todos os somalis, onde quer que estejam, ajudem e salvem os que estão morrendo”, disse.

Segundo a Associated Press, as Nações Unidas estão pedindo urgentemente ajuda humanitária para o país. De acordo com a Organização Mundial de saúde, esta deve ser a terceira situação de fome no país em um quarto de século e a segunda em menos de uma década. Segundo um relatório das Nações Unidas com a Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional, a fome matou cerca de 258 mil pessoas na Somália entre 2010 e 2012.

Fontes:
NPR-Drought Threatens To Drive Famine In Somalia As Hunger Kills More Than 100
G1-Mais de 100 pessoas morrem em dois dias devido à fome na Somália

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *