Início » Internacional » Fumaça de incêndios florestais preocupa especialistas em saúde nos EUA
EFEITOS TÓXICOS

Fumaça de incêndios florestais preocupa especialistas em saúde nos EUA

Especialistas em saúde preocupam-se com os efeitos tóxicos da fumaça dos incêndios florestais nos EUA

Fumaça de incêndios florestais preocupa especialistas em saúde nos EUA
Fumaça de um incêndio no norte da Califórnia (Fonte: Reprodução/AP)

A mudança climática está aumentando o número de incêndios florestais nos EUA, com perdas de vida e prejuízos financeiros. Mas a fumaça dos incêndios também está causando problemas de saúde nas comunidades locais.

Os incêndios na Califórnia mataram pelo menos seis pessoas, segundo as investigações, e destruíram centenas de casas. A fumaça deslocou-se em direção ao leste do país e os satélites da Nasa mostraram a nuvem que cobriu Salt Lake City, no estado de Utah.

A fumaça dos incêndios florestais próximos à cidade de Redding e ao Parque Nacional de Yosemite agravou a poluição do ar e as autoridades do estado da Califórnia alertaram a população quanto aos perigos da inalação da nuvem tóxica para a saúde.

“Um grande incêndio florestal não afeta apenas as comunidades locais, mas também pessoas a centenas de quilômetros de distância”, disse Richard Peltier, professor assistente de saúde ambiental da Universidade de Massachusetts.

Assim que começa o incêndio, a fumaça fuliginosa contendo gases poluentes é liberada e pode causar uma série de sintomas como tosse, ardor nos olhos, acesso de asma e problemas cardíacos.

A temporada de verão cada vez mais longa, quente e seca no oeste dos EUA está provocando um número crescente de incêndios florestais.  Na década de 1980, houve em média 140 incêndios florestais por ano. Entre 2000 e 2012, esse número aumentou para 250 incêndios anuais.

Pesquisadores da Universidade de Washington analisam informações sobre a poluição atmosférica nos EUA desde 1988. Segundo os dados coletados, nos últimos 30 anos os EUA conseguiram reduzir a poluição atmosférica em grandes áreas do país, com exceção de Idaho, Wyoming, Montana, Utah, Nevada, Califórnia, Oregon e Washington.

“A exposição das pessoas à fumaça tóxica dos incêndios florestais é uma ameaça crescente. Quase todos os estados dos EUA podem ser afetados pela poluição do ar causada pelos incêndios”, disse Peltier.

“A emissão de gases de efeito estufa contribui para o aquecimento da atmosfera, que, por sua vez, aumenta o ressecamento do solo. O solo seco aliado à escassez de chuvas influencia a ocorrência de incêndios florestais”, acrescentou.

Fontes:
The guardian - Wildfire smoke: experts warn of 'serious health effects' across western US

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *