Início » Economia » G-20 sugere medidas para reorganizar o sistema financeiro internacional
Economia

G-20 sugere medidas para reorganizar o sistema financeiro internacional

Apesar de os líderes dos G-20 terem se comprometido com um pacote de medidas que visam reanimar a economia e reorganizar o sistema financeiro global, será necessário esperar para saber se haverá condições para a colocação das propostas em prática e para a superação de divergências. No último sábado, o grupo, que neste ano foi presidido pelo Brasil, prometeu uma ampla revisão dos mecanismos de regulação do setor financeiro, para que não se repitam problemas como os que geraram a crise vigente.

O G-20 — um fórum internacional formado pelos países mais ricos e um grupo de nações em desenvolvimento que inclui o Brasil, a China e a Índia — defendeu que fossem criados mecanismos para evitar que as instituições financeiras tomem riscos excessivos em períodos de expansão do crédito, normas para tornar mais confiáveis as agências de classificação de risco, uniformização de padrões contábeis, limites para remuneração de executivos e mais transparência nos mercados de derivativos de crédito.

Os líderes concordaram em criar "colegiados de supervisores", para que fossem monitorados grandes bancos e instituições com negócios em diversos países. Além disso, também viram a necessidade de o FMI ser fortalecido, mas apenas o Japão agiu na ampliação do capital da instituição, oferecendo um empréstimo de US$ 100 bilhões — o que equivale a um décimo de suas reservas. O grupo, no entanto, prometeu muitas propostas que já estavam em discussão há meses em organismos como o Fórum de Estabilidade Financeira (FSF), e sugestões colocadas por países da Europa encontraram resistência por parte dos EUA e foram rejeitadas.

Esta foi a primeira vez que os chefes de Estado dos países do G-20 se reuniram, apesar de o grupo existir desde 1999. Anteriormente, apenas ministros e assessores participavam dos encontros. O grupo deve se reunir no fim de abril de 2009, coordenado pelo Reino Unido.

Fontes:
Valor Online - G-20 promete medidas para reanimar a economia

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *