Início » Internacional » Governo francês interfere nas empresas
Negócios

Governo francês interfere nas empresas

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Logo que tomou posse, o presidente Nicolas Sarkozy negociou com sua colega alemã Angela Merkel o sistema de gestão da Airbus, da qual os dois governos são sócios.

Agora, Sarkozy está sendo pressionado a interferir a favor da fusão da Gaz de France, que pertence ao governo, com a Suez, conglomerado privado franco-belga dos setores de energia e meio ambiente.

As conversações já têm cinco anos. Inicialmente o governo era contra, mas quando a italiana Enel fez uma oferta hostil de aquisição da Suez o então premier Villepin mudou de idéia para evitar que a empresa fosse para mãos estrangeiras. A França tem uma antiga tradição de participação estatal nas empresas, e é de longe o país da Europa Ocidental com maior presença do governo na vida empresarial.

Fontes:
Economist - Business in France -- The long arm of the state
Economist - France's hyperactive president -- The world according to Sarkozy

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Vasco A. Duval disse:

    A França, que no começo do século passado era a segunda nação mais rica do planeta, com o seu socialismo latente vem desde então perdendo posições diante de outras nações.
    Hoje está atraz de: EUA, japão, China (que revisou seus princípios), Alemanha, Inglaterra e Italia.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *