Início » Internacional » Grécia enfrenta escalada de crise migratória
refugiados

Grécia enfrenta escalada de crise migratória

País recebeu mais refugiados em julho de 2015 do que em todo o ano passado

Grécia enfrenta escalada de crise migratória
Refugiados foram trancados por cerca de 18 horas em um estádio na ilha grega de Kos na semana passada (Fonte: Reprodução/Reuters)

Dados da Acnur, a agência da ONU para refugiados, divulgados nesta terça-feira, 18, revelaram que a Grécia recebeu mais refugiados em julho do que em todo o ano passado.

Em meio a uma grave crise financeira, Atenas enfrenta também uma escalada da crise migratória.

Apenas em julho, a Grécia recebeu 50.242 refugiados. Em todo o ano passado foram 43,5 mil. Ainda de acordo com a Acnur, desde o início de 2015 foram 160.172 refugiados. Deste total, 1.716 chegaram pela fronteira por terra com a Turquia e o restante chegou pelo mar, também a partir da Turquia.

O porta-voz da Acnur, William Spindler, diz que a maioria absoluta dos recém-chegados a Atenas são candidatos ao status de refugiados.

A agência da ONU defende uma resposta “de toda a Europa” para lidar com a crise migratória. “Estamos recomendando às autoridades gregas a designar um único órgão para coordenar uma resposta de emergência e articular um mecanismo de assistência humanitária adequado. Países europeus deveriam apoiar a Grécia nesses esforços”, ressaltou Spindler.

A Acnur estima que mais de 264 mil imigrantes tenham cruzado o Mediterrâneo em direção ao continente europeu desde o início do ano. A Itália teria recebido 104 mil refugiados.

Fontes:
Folha de S.Paulo - Grécia recebeu mais refugiados em julho do que em 2014, diz Acnur

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *