Início » Exclusiva » Harvey será o desastre natural mais caro dos EUA
A CONTA DOS DANOS

Harvey será o desastre natural mais caro dos EUA

Custos dos danos gerados pelo Harvey foram estimados em US$ 160 bilhões, o equivalente à soma dos estragos deixados pelos furacões Katrina, de 2005, e Sandy, de 2012

Harvey será o desastre natural mais caro dos EUA
A tempestade tropical deve afetar os preços do petróleo (Foto: Tenente Zachary West, 100º MPAD)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A tempestade Harvey será o evento natural mais caro da história dos Estados Unidos, com prejuízos equivalentes à soma dos estragos deixados pelos furacões Katrina (que destruiu Nova Orleans em agosto de 2005) e Sandy (que devastou a costa leste americana em outubro de 2012). Os custos para enfrentar o fenômeno que atinge o Texas e a Louisiana esta semana foram estimados em US$ 160 bilhões pelo AccuWeather – site de informação meteorológica que promove a previsão do tempo com cobertura mundial.

Relatório da empresa informa que o prejuízo representa um corte de 0,8 ponto percentual do PIB americano. Para o fundador e CEO da AccuWeather, o desastre está apenas começando em algumas áreas: “Lideranças empresariais e o Federal Reserve (FED), grandes bancos e seguradoras devem começar a calcular o impacto negativo da catástrofe sobre os negócios, os resultados corporativos e o emprego”, disse Joel Myers.

Quarta maior cidade do país – atrás de Nova York, Los Angeles e Chicago -, Houston foi a mais afetada pela tempestade e “pode ficar em parte inabitável durante semanas ou mesmo meses, devido aos estragos da água, da lama e do risco de doenças. O pior da enchente ainda está por vir, já que rios continuam a subir e aumentam os riscos para barragens e diques. Haverá mais enchentes, estragos, mortes e feridos”, comentou Myers. Ele ressaltou ainda que os institutos de meteorologia “fizeram um bom trabalho para advertir as pessoas sobre os riscos, mas as autoridades foram lentas na reação”.

Segmento petrolífero será o mais afetado

A AccuWeather adverte que o impacto negativo das chuvas está longe do fim. Na avaliação do grupo financeiro multinacional Goldman Sachs, a tempestade tropical deve, no fim das contas, afetar os preços do petróleo. “Nós vemos o Harvey como um evento provavelmente negativo para o mercado do petróleo em geral, com mais perdas na demanda que na oferta”, aponta o banco. Para o Goldman, a perda inicial em um mês na demanda por petróleo deve superar 700 mil barris por dia.

O ano de 2017 já se torna um dos mais letais – com 37 tornados somente em janeiro. A região metropolitana de Houston – entre as 25 mais ricas do mundo – está inundada e a chuva não dá tréguas. Dois dos maiores portos do continente foram fechados na segunda-feira (28) e 15% da capacidade de refino de petróleo nos EUA estão suspensos. As petroleiras começam a fazer uma avaliação dos danos. O Texas é um centro vital de infraestrutura energética dos EUA, com 22% da capacidade de refino.

Maior refinaria dos Estados Unidos, localizada em Port Arthur, no Texas, a Motiva anunciou o fechamento total de suas operações devido à inundação. A empresa é controlada pela petrolífera estatal saudita Saudi Aramco e tem capacidade de processamento de 603 mil barris por dia. A segunda maior refinaria, uma unidade em Baytown pertencente à ExxonMobil e com capacidade de 560 mil barris por dia, está fechada desde domingo. Com o fechamento de outras empresas, a capacidade total de refino dos EUA despencou em cerca de 3 milhões de barris por dia.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. carlos alberto martins disse:

    calma pessoal.o pior ainda está por vir.o preço que pagaremos,será bem caro.o mundo vai cobrar caro a destruição que fizemos no planeta.

  2. carlos alberto martins disse:

    os cientistas do mundo inteiro,por motivos políticos,,escondem o que está acontecendo em nosso planeta.o mesmo já não aguenta o crescimento desenfreado dos povos,os quais para sobreviverem tudo destroem.a raça humana está condenada a desaparecer.para os políticos e religiões quanto maior o martírio de um povo,maior será o poder que eles terão de dominio.não estão nem um pouco preocupados com o futuro do planeta.o tempo irá mostrar ao desatre que teremos que enfrentar.a natureza irá querer se recompor,mais,a violencia será tão grande,quem nem a maior tecnologia será capaz de prevenção.nem Deus irá evitar o castigo

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *