Início » Internacional » Hollande tem encontro histórico com Raúl Castro
Visita histórica

Hollande tem encontro histórico com Raúl Castro

Essa é a primeira visita de um chefe de Estado ocidental a Cuba desde o degelo das relações entre a Ilha e os Estados Unidos em dezembro

Hollande tem encontro histórico com Raúl Castro
Paris também anunciou a 'disponibilidade' de Hollande para uma possível reunião com Fidel, ainda não confirmada (Foto: Wikimedia)

Nesta segunda-feira, 11, um encontro histórico entre o presidente francês, François Hollande, e seu par cubano, Raúl Castro, deve acontecer. Hollande chegou a Cuba no último domingo para a primeira visita de um chefe de Estado ocidental desde o degelo das relações entre a ilha e os Estados Unidos em dezembro.

Leia mais:  Obama tira Cuba da lista de países que apoiam o terrorismo
Leia mais:  Chefes da diplomacia de Cuba e EUA têm encontro histórico
Leia mais:  Turistas norte-americanos começam a ‘invadir’ Cuba

Paris também anunciou a “disponibilidade” de Hollande para uma possível reunião com Fidel, ainda não confirmada. A ideia é que a França seja a primeira, em nome da Europa e entre os países ocidentais, “a dizer aos cubanos que estamos ao seu lado se eles decidirem dar os passos necessários para a abertura”, disse Hollande a jornalistas antes de embarcar para Havana. “Vim para Cuba com muita emoção, porque é a primeira vez que um presidente da França chega a Cuba”.

O primeiro presidente francês a visitar a ilha se adiantou aos demais chefes de Estado ocidentais com esta visita oficial, e antes de sua chegada disse que a viagem é de algum modo histórica, apesar de Raúl e Fidel Castro já terem se reunido com presidentes franceses.

Desde abril de 2014, quando a França renovou o seu diálogo com Cuba, com uma visita de Laurent Fabius, ministro das Relações Exteriores, à ilha, o país está na vanguarda da aproximação entre a União Europeia e Havana.

De acordo com o presidente francês, a questão dos direitos humanos, pelo qual o regime cubano é muitas vezes criticado, será “necessariamente” tratada durante a visita. Nesta segunda-feira, 11, Hollande vai premiar o cardeal Jaime Ortega com a Legião de Honra, por ter desempenhado um papel de liderança na mediação para a libertação dos presos políticos.

Além disso, a França, que é o décimo parceiro econômico da ilha, quer expandir sua presença no mercado cubano e não deixar passar o trem de abertura econômica. Muitos empresários franceses acompanham Hollande em uma delegação que inclui sete ministros e vice-ministros.

Fontes:
O Globo-Na primeira visita de um líder ocidental desde o degelo, Hollande vai a Cuba

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *