Início » Internacional » Hotel Waldorf será transformado em condomínio privado
SÍMBOLO DE NOVA YORK

Hotel Waldorf será transformado em condomínio privado

Grupo chinês que comprou o hotel vai iniciar obras para converter 1.100 dos 1.413 quartos em apartamentos privados

Hotel Waldorf será transformado em condomínio privado
Forte redução no número de quartos vem gerando temor de desemprego (Foto

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

A cidade de Nova York se prepara para se despedir de um de seus hotéis de luxo mais tradicionais, o cinco estrelas Waldorf Astoria.

O grupo chinês Anbang Insurance, que recentemente comprou o hotel, está finalizando os planos para fechar o hotel por três anos e iniciar as obras para converter 1.100 dos 1.413 quartos em apartamentos privados.

Ao final das obras, o Waldorf terá somente entre 300 e 500 quartos para hóspedes, com padrão de luxo ampliado. O restante do hotel será convertido em condomínio privado. A obra mudará  radicalmente o prédio do hotel, que ocupa um quarteirão inteiro na Park Avenue e tem a história entrelaçada à vida política e cultural de Nova York.

A forte redução vem gerando temor de desemprego, pois vai eliminar muitos postos de trabalho como serviço de quarto, arrumação e outros serviços de hospitalidade. O Waldorf tem cerca de 1.500 funcionários. Segundo informações obtidas pelo Wall Street Journal, muitos funcionários já fecharam acordos de indenização com o grupo Anbang  e o grupo Hilton Worldwide Holdings Inc., que é responsável por gerir o hotel.

A obra de reestruturação é orçada em mais de US$ 1 bilhão. O grupo Anbang já gastou mais de US$ 1,95 bilhão no ano passado para comprar o Waldorf, o mais caro acordo para compra de um hotel já feito nos EUA.

Fontes:
The Wall Street Journal-Classic Waldorf Hotel to Be Gutted, Up to 1,100 Rooms Turned Into Condos

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *