Início » Internacional » Imperador do Japão planeja abdicar do trono, diz imprensa do país
MONARQUIA JAPONESA

Imperador do Japão planeja abdicar do trono, diz imprensa do país

Abalado por problemas de saúde, o imperador Akihito planeja ceder o trono para seu filho, o príncipe Naruhito

Imperador do Japão planeja abdicar do trono, diz imprensa do país
O imperador Akihito deverá fazer um anúncio oficial sobre a decisão em breve (Foto: Wikimedia)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

O imperador japonês Akihito anunciou que irá abdicar do trono antes de sua morte. É primeira vez em dois séculos que um imperador do país expressa o desejo de abdicar.

De acordo com a rede de televisão pública japonesa NHK, o imperador, de 82 anos, enfrenta problemas de saúde e disse a pessoas próximas que pretende ceder o trono para seu filho, o príncipe Naruhito, de 56 anos.

O último imperador japonês que abdicou do trono foi Kokatu, em 1817. Dessa forma, o caso de Akihito é considerado uma decisão sem precedentes, pois será o primeiro imperador do Japão Moderno a abdicar do trono. Segundo a NHK, o imperador Akihito planeja fazer um anúncio oficial sobre a decisão em breve.

Nos últimos anos, o imperador japonês se dedicou a tratar de doenças. Em 2003, ele tratou de um câncer de próstata e em 2012 se submeteu a uma cirurgia no coração.

O imperador Akihito assumiu o trono japonês em 1989, como herdeiro de seu pai, o imperador Hirohito. Mesmo sendo uma das monarquias mais antigas do mundo, o papel do imperador japonês hoje é puramente simbólico. Tem sido assim desde a Constituição imposta pelos Estados Unidos em 1947. Antes o imperador tinha status de semideus.

Fontes:
New York Times-Emperor Akihito, in First for Japan Since 1817, Plans to Abdicate

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *