Início » Internacional » Israel não consegue compor governo de coalizão
Internacional

Israel não consegue compor governo de coalizão

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

Após se reunirem pela segunda vez na semana, esta sexta-feira, 27, em Tel Aviv, o líder do partido nacionalista Likud, Benjamin Netanyahu, e a do centrista Kadima, Tzipi Livni, não chegaram a um acordo para a formação de um governo de união nacional.

Netanyahu teria oferecido a Livni "uma completa e igual participação no processo de paz". Porém, não se comprometeu com a ideia central do processo de paz de Annapolis, que é defendida por Livni assim como a criação de um Estado palestino.

Sem acordo sobre as questões essenciais, Livni afirmou, ao sair da reunião, que o Kadima fará uma oposição "responsável" a Netanyahu. Fontes dos dois partidos já haviam dito que as chances de acordo eram pequenas e, segundo o jornal Ha’aretz, o líder nacionalista queria mostrar que tentou todas as opções para se comprometer com Livni.

Fontes:
Último Segundo - Netanyahu e Livni não chegam a acordo sobre coalizão

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

2 Opiniões

  1. Markut disse:

    O grande desafio é que Israel está situada na linha de frente do embate entre dois mundos antagônicos:a cultura ocidental, com todos os seus problemas,de um lado, e o fundamentalismo islâmico fanatizado, do outro.
    São graves os interesses geopolíticos em jogo.
    Como consequência, não é facil, nem simples, para a indiscutivel democracia israelense, encontrar a saida política, e, muito menos, um consenso.

  2. Bruno disse:

    Há vários milênios a Bíblia já declarou a respeito de uma terra específica para o povo de Israel.
    Esse negócio de palestino que não podem comprovar nem mesmo sua descêndencia pela genealogia de seus antepassados, ficarem dizendo que tem direito a terra santa, é uma grande mentira.
    Israel tem é que recuperar muito do seu território e se defender desses tais palestinos com força total.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *