Início » Internacional » Jacarta não é a única cidade do mundo a afundar
CIDADES 'ENGOLIDAS'

Jacarta não é a única cidade do mundo a afundar

Uso excessivo das águas subterrâneas, erosão do solo e as mudanças climáticas estão causando o afundamento de várias cidades no mundo

Jacarta não é a única cidade do mundo a afundar
Jacarta é uma das cidades que está afundando com mais rapidez no mundo (Foto: SCBD)

Prezados leitores, o Opinião e Notícia encerrará suas atividades em 31/12/2019.
Agradecemos a todos pela audiência durante os quinze anos de atuação do site.

De acordo com o Fórum Econômico Mundial, Jacarta é uma das cidades que está afundando com mais rapidez no mundo devido à elevação do nível do mar e à retirada em excesso das águas subterrâneas. 

O governo da Indonésia tem planos de construir uma nova capital, distante da costa do mar de Java.

Mas outras cidades do mundo também enfrentam o mesmo problema de Jacarta. Em um artigo recente, a CNN relacionou algumas cidades que estão afundando aos poucos, por razões diversas.

Houston

(Foto: Pixabay)

Há anos, os cientistas observam o afundamento gradual de Houston, no Texas. Segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos, áreas do condado de Harris, onde se localiza Houston, afundaram cerca de 3 metros desde a década de 1920. Agora, por causa da diminuição do volume de água dos aquíferos, a cidade está afundando 5 centímetros por ano.

Em 1975, as autoridades locais criaram um departamento de gestão de recursos hídricos para controlar o volume de água retirado dos aquíferos. Porém, as autoridades não conseguem impedir que as empresas privadas de fornecimento de água extraiam águas subterrâneas.

Lagos

(Foto: OpenUpEd)

Lagos é uma cidade situada no sudoeste da Nigéria, na costa do oceano Atlântico. É a cidade mais populosa da África.

Em razão de sua localização geográfica, Lagos é sujeita a inundações, cada vez mais frequentes devido à elevação do nível do mar causado pelo aquecimento global. 

Um estudo realizado em 2012 mostrou que uma elevação do nível do mar de apenas 1 a 3 metros teria um efeito catastrófico para os habitantes da cidade. 

Nova Orleans

(Foto: Flickr/Pedro Szekely)

Na década de 1930, só um terço de Nova Orleans situava-se abaixo do nível do mar. Depois da passagem do furacão Katrina, em 2005, metade da cidade encontra-se abaixo do nível do mar.

A cidade foi construída em um solo poroso e, por isso, é mais vulnerável à elevação do nível do mar. Cientistas que acompanham os efeitos das mudanças climáticas em Nova Orleans registraram um afundamento de 1 centímetro por ano. 

Pequim

(Foto: PxHere)

Em 2016, um estudo realizado por uma equipe de geólogos indicou que algumas áreas de Pequim estão afundando 10 centímetros por ano. 

A causa, segundo os autores do estudo, é a perda de água dos aquíferos, uma situação semelhante à de Jacarta e de Houston.

A extração em excesso das águas subterrâneas para consumo ressecou o solo e está provocando um afundamento acentuado em algumas áreas da cidade.

Washington DC

(Foto: Pixabay)

Uma pesquisa feita em 2015 indicou que Washington DC afundará 15 centímetros ou mais nos próximos 100 anos.

De acordo com os geólogos autores do estudo, a área da baía de Chesapeake, onde a cidade se encontra, está afundando por causa do derretimento há milhares de anos de enormes geleiras, que se desprenderam das calotas polares. O atrito entre o gelo e as rochas causou uma erosão no solo da região.

Além disso, o nível do mar na baía de Chesapeake está aumentando em um ritmo acelerado, o que irá agravar o problema.

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não refletem a opinião deste site

1 Opinião

  1. Rogerio Faria disse:

    Brasília (Praça dos Três Poderes) também afunda… pior, em um mar de lama.

Sua Opinião

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *